Ligue-se connosco

Motos

Em 2021 Miguel Oliveira vai correr na equipa oficial da KTM

Published

on

Na próxima temporada de MotoGP Miguel Oliveira vai vestir as cores da equipa oficial da KTM, a Red Bull KTM Factory Racing, nas próximas duas temporadas. Este importante passo na carreira do piloto de Almada faz com que passe a correr com as motos mais competitivas da marca austríaca, o que somado ao seu talento e competência lhe permitirá lutar por lugares mais altos do que até agora.



O trabalho feito na sua primeira época de MotoGP na Tech 3, equipa subsidiária da KTM, nos poucos testes da temporada deste ano e todo o seu desempenho nas outras categorias anteriores ao MotoGP, levou os responsáveis da KTM a não ter dúvidas quanto às capacidades do piloto português para assumir os comandos da RC16 de fábrica, renovando com o sul-africano Brad Binder uma dupla que deu muito bons resultados quando ambos correram em Moto 2.

Miguel Oliveira refere que está “muito feliz por esta oportunidade que a KTM me está a dar para os próximos dois anos. Sinto que eles confiam em mim para mostrar o meu valor como piloto neste projeto. Desde o primeiro dia que dei o meu melhor para a moto e acreditei no seu potencial para conseguir bons resultados e é isto que queremos alcançar no futuro próximo. Penso que estamos no sitio certo para o conseguir e para me desenvolver como piloto. É uma grande, grande oportunidade. Ainda temos que nos concentrar em 2020 mas sinto-me grato por este grande desafio. Obrigado à família KTM!”

O lugar que Miguel Oliveira deixará vago na equipa Tech 3 será preenchido pelo italiano Danilo Petrucci que terá o espanhol Iker Lecuona como parceiro nas boxes.

Motos

Miguel Oliveira conquista a sua melhor posição de sempre

Published

on

No Grande Prémio da República Checa, Miguel Oliveira conseguiu a sexta posição, a sua melhor classificação de sempre no MotoGP, logo atrás de Valentino Rossi.



Numa corrida ganha pelo sul-africano Brad Binder com a sua KTM, o futuro companheiro de equipa de Miguel Oliveira na equipa oficial da marca austríaca foi seguido no pódio por Franco Morbidelli na sua Yamaha e Johann Zarco com uma Ducati.

Com este resultado Miguel Oliveira ascende à décima segunda posição no campeonato com 18 pontos, menos um que o piloto principal da equipa KTM oficial, Pol Espargaró, que tem 19.

A próxima corrida será na Áustria, no Red Bull Ring, um circuito em que a KTM está em casa e onde se espera que os pilotos das motos austríacas consigam bons resultados.

Continuar a ler

Motos

Brixton Motorcycles já está em Portugal

Published

on

A Brixton Motorcycles vai começar a ser comercializada no mercado nacional pelas mãos da Moteo Portugal. Esta marca de motos que faz parte do grupo austríaco KSR é uma marca especializada em motos de 125cc, tendo no entanto propostas com maior capacidade também.



Além da Brixton, o grupo KSR também é detentor de outras marcas como a Malaguti e a bem conhecida Lambretta, além da própria KSR Moto.

A Moteo, sediada em Aveiro, é agora o importador dos modelos da Brixton cuja gama é composta pela Crossfire 125 XS, Crossfire 500/X, Felsberg 125 XC e Rayburn 125, propostas com clara inspiração estética na nova vaga de motos com um estilo café racer e urbano.

Continuar a ler

Motos

Corrida injusta para Miguel Oliveira

Published

on

Depois de ter feito história no motociclismo nacional ao conseguir na o quinto lugar na grelha de partida da segunda prova de MotoGP, no circuito de Jerez, Miguel Oliveira não teve a sorte do seu lado pois sofreu um toque de Brad Binder logo na primeira curva, o que causou a queda do piloto de Almada, comprometendo as suas aspirações numa corrida que poderia ter sido também ela histórica.



Fica uma sensação de uma enorme injustiça, mas são coisas que acontecem em pista e que são normais nesta categoria, restando o conforto de que Miguel Oliveira não sofreu nenhuma lesão e ficou bem fisicamente.

O resto da corrida foi dominada do princípio ao fim pelo francês Fabio Quartararo que assim levou a sua Yamaha à segunda vitória consecutiva neste campeonato num pódio dominado pela Yamaha que viu Maverick Viñales e Valentino Rossi a ocuparem o segundo e terceiro lugares respetivamente.

Agora o circo do MotoGP vai para a República Checa onde no próximo dia 9 de agosto o circuito de Brno será o palco da terceira prova desta temporada. Esperemos que Miguel Oliveira consiga mais uma vez mostrar que está num excelente momento de forma com a sua KTM da equipa Tech 3.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração