Maior veículo elétrico do mundo tem 800 CV e carrega-se sozinho – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Maior veículo elétrico do mundo tem 800 CV e carrega-se sozinho

Published

on

Chama-se Komatsu HB 605-7 e é um dumper XXL da minas. Mede 9,3 metros comprimento, 13,9 m de largura e 4.4 m de altura. De referir que este dumper “nasceu” com um motor Diesel de 23 200 cc a debitar 750 CV.



A sua função é realizar 200 viagens diárias a subir e a descer uma montanha e consome 100 mil toneladas de gasóleo por ano. A este consumo correspondem 130 toneladas de CO2 na atmosfera.

Os responsáveis do local onde labora decidiram terminar com esta quantidade de emissões e encomendaram à Kuhn Schweitz a eletrificação deste dumper que passou a chamar-se e-dumper. Assim, foi retirado o motor Diesel de 750 CV e foi montado um motor elétrico de 800 CV e 950 Nm de binário. O fornecedor de bateria, a Lithium Storage fornecem um pack com 700 kWh de capacidade.

O e-dumper pode agora continuar a subir e a descer a montanha transportando 65 toneladas de terra, as mesmas 20 vezes por dia, sem emitir um grama de CO2, nem qualquer poluente. Mas oferece ainda uma vantagem por que poucos esperavam.

O fabricante anuncia zero consumo eléctrico na viagem completa, apesar de o veículo andar para cima e para baixo com 110 toneladas (peso total, veículo mais carga). Tudo porque na descida, e devido ao elevado peso do veículo, a capacidade de regeneração é capaz de gerar 200 kWh de energia, com que recarrega a bateria.

1 Comentário

1 Comentário

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Mercedes-Benz Vans inicia comercialização da nova eSprinter em Portugal

Published

on

O novo Mercedes-Benz eSprinter já pode ser encomendado. O valor para os clientes é evidente, na sua versatilidade e flexibilidade: duas variantes e dois comprimentos de carroçaria, três tamanhos da bateria e uma elevada capacidade de carga útil, fazem do novo eSprinter o veículo ideal para uma vasta gama de utilizações profissionais.



Desta forma, o novo eSprinter está disponível em duas variantes e dois comprimentos de carroçaria, bem como com um motor elétrico eficiente, com 2 níveis de potência de pico possíveis: 100 kW (136 CV) e 150 kW (204 CV). O novo motor síncrono, de íman permanente e de gestão térmica otimizada, é caracterizado por uma eficiência particularmente alta.
Os clientes podem optar entre três capacidades de bateria diferentes, dependendo das suas necessidades em termos de autonomia e de carga útil: 113 kWh, 81 kWh ou 56 kWh de capacidade útil (a variante de 81 kWh será disponibilizada posteriormente, ainda neste ano). A autonomia elétrica combinada é de até 443 quilómetros1,2, podendo chegar até 537 km de autonomia em cidade.

Além da versão Furgão, o novo eSprinter estará disponível, pela primeira vez, na versão Chassis Cabina Simples, tornando-o muito atraente para novos setores de atividades, bem como para fabricantes de superestruturas e de equipamentos.
O novo modelo está equipado com o mais recente sistema multimédia MBUX, assim como com vários sofisticados sistemas de segurança e de assistência, num conjunto de equipamentos de série atualizados. Em opção, também pela primeira vez, o eSprinter está disponível com acoplamento de reboque.
Os novos Sprinter e eSprinter já podem ser encomendados, com chegada das primeiras unidades a Portugal prevista para abril de 2024. Aqui ficam os preços indicativos sem IVA.

  • Sprinter Furgão BASE a partir de 37 967 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Chassis Cabina Simples BASE a partir de 31 877 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Chassis Cabina Dupla BASE a partir de 34 996 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Tourer BASE a partir de 74 445 € (preço indicativo em Portugal, IVA incluído)
  • eSprinter Furgão BASE a partir de 57 107 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA

Continuar a ler

Comerciais

Ford Transit MS-RT promete trabalhar com estilo

Published

on

Ao mesmo tempo que revelou a sua nova Ranger MS-RT, a Ford apresentou, também, uma versão radical da icónica Transit.



Desenvolvida com base na Transit Custom, a nova versão MS-RT destaca-se pelo seu estilo exterior inspirado na competição, uma especificação interior exclusiva e uma vasta gama de motores disponíveis, incluindo Diesel, híbrido plug-in e 100% elétrico.
Por fora, a Transit Custom MS-RT apresenta um para-choques dianteiro totalmente novo e com spoiler integrado, saias laterais desportivas e uma traseira mais “racing” igualmente nova, incluindo um para-choques com difusor integrado. O spoiler traseiro de inspiração no mundo das corridas foi otimizado através de simulações em computador para permitir um fluxo de ar ideal. A versão elétrica a bateria possui uma faixa de luz LED adicional a toda a largura entre os faróis traseiros.

As jantes de liga leve são de 19 polegadas e contam com acabamento antracite. Contribuem para o aumento da largura das vias, bem como para a redução do peso não amortecido em cerca de 1 kg por cada “canto”. Os pneus Goodyear Eagle Sport 235/45, bem como uma plataforma totalmente nova – com suspensão traseira independente – melhoram ainda mais o conforto e o comportamento dinâmico da mais recente geração da Transit Custom.
A versão E-Transit Custom MS-RT, elétrica a bateria, apresenta a potência mais elevada de qualquer Transit Custom até à data, com um motor elétrico de 210 kW (285 CV) a propulsionar as rodas traseiras. Os modos de condução selecionáveis também permitem regular a potência para 160 kW no modo Normal (82 CV) e para 100 kW (136 CV) no modo Eco.
O motor Diesel EcoBlue de 2,0 litros está disponível com 170 CV – associado a uma caixa automática de oito velocidades e com tração integral inteligente opcional – bem como numa versão com transmissão manual de seis velocidades com 150 CV e tração dianteira. A variante híbrida plug-in de 239 CV inclui um motor a gasolina de 2,5 litros e uma bateria de 11,8 kWh.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por Claudio94
    Bom dia pessoal. depois do problema que tive com o imobilizador que ja esta resolvido, ao meter o codigo de anti roubo no radio e gravar sei que nao...
  • por Icterio
    Bien Hoa, Vietname, 1965 (Episódio 1) Para qualquer entusiasta da aviação, a guerra no Vietname imediatamente invoca imagens dos versáteis...
  • por sam78
    Boas a todos. A luz do "service" está a ligar de veZ em quando no meu Renault clio. Que devo fazer? O que significa e que devo fazer? É algo...
  • por insyspower
    Boa tarde, Tenho um Vidro automático dianteiro esquerdo que não funciona, está sempre fechado, estou a tentar aceder aos interruptores, mas não...

Em aceleração