Ligue-se connosco

Motos

Scrambler 1100 FT vence Custom Rumble da Ducati

Published

on

Depois de um ano de interregno, a Ducati retomou o seu concurso de personalização Custom Rumble e nem os condicionalismos impostos pela pandemia do vírus Covid-19 impediram o regresso desta iniciativa que acabou por realizar-se on-line com a final a ser transmitida em direto em streaming.



Esta que foi a terceira edição do Custom Rumble contou com uma participação muito animada de diferentes projetos, mas no final foi a Ducati Scrambler 1100 FT criada pela CC Racing Garage sediada em Roma, Itália.

Inscrita na categoria Bully onde os preparadores tinham carta branca para alterar a Scrambler da Ducati sem qualquer restrição técnica, a equipa da CC Racing Garage marcou pontos com a sua linha de escape extremamente elaborada, um banco com um design único, o pequeno defletor sobre a ótica e uma pintura muito bem conseguida.

Mais de 16 mil pessoas assistiram à transmissão ao vivo desta final que contou com um júri composto pelos pilotos Andrea Dovizioso e Chaz Davies, o actor Nicholas Hault, o CEO da Bike Shed Motorcycle Club, Dutch Van Someren e ainda o fundador da Officine Rossopuro, Filippo Barbacane que no final coroaram esta Ducati Scrambler 1100 FT como a grande vencedora de mais um Custom Rumble.

Motos

Motos na mira da PSP e GNR

Published

on

Como é habitual nesta época do ano, a PSP e a GNR têm na estrada operações com um foco maior na fiscalização dos motociclos de maneira a poder reforçar a ação de combate à sinistralidade. Os condutores de outros veículos também serão alvo da atenção das autoridades, em especial para comportamentos que podem por em risco a segurança dos motociclistas.



Estas operações são de âmbito nacional e já estão no terreno desde o dia 7 de julho estando previsto o seu término no próximo dia 13. A atenção das autoridades incidirá em manobras perigosas, ultrapassagens, mudanças de via de trânsito, cumprimento dos limites de velocidade e das regras de prioridade, utilização de capacete, correta sinalização de manobras e condução sob o efeito de álcool.

Além desta atividade de fiscalização também serão feitas ações de sensibilização nas vias que têm um maior tráfego.

Continuar a ler

Motos

A moto da Aston Martin já faz testes

Published

on

Revelada no Salão de Milão EICMA do ano passado, a AMB 001 é a primeira moto da história da Aston Martin e já anda em testes de pista para por à prova o seu motor desenvolvido pela também exclusiva marca Brough Superior.



Foi no circuito francês de Pau-Arnos que os técnicos e engenheiros da Aston martin e da Brough Superior tiraram as suas anotações do desempenho da AMB 001 em pista.

Esta Superbike é uma edição limitada a 100 unidades e não terá homologação para circular na estrada, estando apenas destinada a uma utilização em circuito, mas com o seu preço estimado de 108.000€ antes de impostos também é uma moto destinada a colecionadores que dificilmente a utilizarão no seu dia a dia.

Com um motor bicilíndrico em “V”, turbocomprimido, com 997 cc de cilindrada e 180 cv de potência a AMB 001 incorpora muita tecnologia da Aston Martin como por exemplo os elementos aerodinâmicos muito semelhantes aos utilizados do hiperdesportivo Valkyrie e curiosamente também a relação peso potência é a mesma. Com 180 kg de peso e 180 cv de potência a AMB 001 também partilha a relação de 1 cv para 1 kg. Esse valor é conseguido não apenas pelo rendimento do motor V2, mas também pela utilização de materiais como o alumínio, fibra de carbono e titânio que ajudam a reduzir o peso desta superbike.

A produção da desta primeira moto da Aston Martin terá lugar na fábrica da Brough Superior localizada em França, mais propriamente na cidade de Toulouse e, após estes testes, as primeiras unidades deverão entrar na linha de montagem em breve, sendo de salientar que cada unidade será totalmente produzida à mão.

Para já, aqui fica o vídeo dos testes em Pau-Arnos:

Continuar a ler

Motos

Em 2021 Miguel Oliveira vai correr na equipa oficial da KTM

Published

on

Na próxima temporada de MotoGP Miguel Oliveira vai vestir as cores da equipa oficial da KTM, a Red Bull KTM Factory Racing, nas próximas duas temporadas. Este importante passo na carreira do piloto de Almada faz com que passe a correr com as motos mais competitivas da marca austríaca, o que somado ao seu talento e competência lhe permitirá lutar por lugares mais altos do que até agora.



O trabalho feito na sua primeira época de MotoGP na Tech 3, equipa subsidiária da KTM, nos poucos testes da temporada deste ano e todo o seu desempenho nas outras categorias anteriores ao MotoGP, levou os responsáveis da KTM a não ter dúvidas quanto às capacidades do piloto português para assumir os comandos da RC16 de fábrica, renovando com o sul-africano Brad Binder uma dupla que deu muito bons resultados quando ambos correram em Moto 2.

Miguel Oliveira refere que está “muito feliz por esta oportunidade que a KTM me está a dar para os próximos dois anos. Sinto que eles confiam em mim para mostrar o meu valor como piloto neste projeto. Desde o primeiro dia que dei o meu melhor para a moto e acreditei no seu potencial para conseguir bons resultados e é isto que queremos alcançar no futuro próximo. Penso que estamos no sitio certo para o conseguir e para me desenvolver como piloto. É uma grande, grande oportunidade. Ainda temos que nos concentrar em 2020 mas sinto-me grato por este grande desafio. Obrigado à família KTM!”

O lugar que Miguel Oliveira deixará vago na equipa Tech 3 será preenchido pelo italiano Danilo Petrucci que terá o espanhol Iker Lecuona como parceiro nas boxes.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração