Ligue-se connosco

Notícias

Emojis podem chegar às matrículas

Published

on

Enquanto por cá ainda estamos a falar das alterações às matrículas nacionais, nos Estados Unidos já se fala em permitir a colocação de emojis nas matrículas dos veículos.



A personalização de matrículas que todos conhecemos como habitual nos Estados Unidos pode agora estender-se também à utilização de emojis. No estado de Vermont está a equacionar-se essa possibilidade, dando aos condutores a oportunidade de escolher um entre seis emojis pré-definidos pelas autoridades para incluir na matrícula.

Como acontece com as matrículas personalizadas o custo será mais elevado do que numa matrícula normal e o estado equaciona mesmo aplicar uma “taxa de emoji”.

Notícias

Autoeuropa fabrica viseiras para hospitais

Published

on

Logo com o surgimento da pandemia do novo Coronavírus no nosso país a Autoeuropa doou viseiras e fatos de proteção a hospitais nacionais, nomeadamente o Curry Cabral e Santa Maria, ambos em Lisboa.



Agora um conjunto de trabalhadores desta fábrica da Volkswagen em Palmela em coordenação com a própria Autoeuropa está a produzir viseiras para o Hospital Nossa Senhora do Rosário, no Barreiro e o Hospital de Setúbal.

Recorrendo à maquinaria de impressão 3D estes trabalhadores continuarão a produzir estas viseiras enquanto houver matéria prima disponível ajudando assim na proteção dos elementos das entidades de saúde neste combate à pandemia do Covid-19.

Continuar a ler

Notícias

Rali de Portugal adiado por causa do Coronavírus

Published

on

A pandemia do vírus Covid-19 continua a adiar eventos e neste caso foi o WRC Vodafone Rally de Portugal que foi adiado mais para o final da época, ainda sem uma data definida.



Inicialmente agendado para decorrer no nosso país entre 21 e 24 de Maio, o rali de Portugal foi adiado numa decisão tomada em conjunto pela FIA, o ACP e as autoridades nacionais.

Continuar a ler

Notícias

Coronavírus impõe novas regras nos transportes públicos

Published

on

O Ministério do Ambiente definiu um conjunto de novas regras para os transportes públicos de maneira a combater a pandemia causada pelo vírus Covid-19 e aumentar a segurança para quem trabalha nos transportes.



Assim os taxis ou veículos TVDE poderão continuar a desenvolver a sua atividade garantindo os serviços essenciais à população, mas deixam de poder transportar passageiros no banco da frente e os veículos devem ser higienizados assegurando que as suas superfícies são limpas e o ar renovado. Além disso os municípios podem estabelecer condições especiais de circulação caso sejam necessárias.

Já nos transportes públicos coletivos as entidades gestoras como o Metropolitano de Lisboa, Metro do Porto, Soflusa, Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) e Metro Ligeiro da margem sul do Tejo devem garantir que o número de passageiros não seja superior a um terço da lotação do transporte, reduzindo assim os aglomerados de pessoas.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração