Ligue-se connosco

Curiosidades

Toyota ataca ladrões com gás lacrimogénio

Published

on

A marca japonesa patenteou um sistema de antirroubo de… ir às lágrimas.

A Toyota adotou uma nova tecnologia que lança gás lacrimogénio para o interior da viatura quando o veículo deteta uma utilização ilegítima do veículo.

O pedido da patente é muito similar ao que a Mercedes utiliza para lançar uma fragância (ambientador) para o interior dos seus veículos e a Toyota corre o risco de não ver a sua patente aceite por este motivo.

O sistema da Toyota teoricamente seria mais transparente e apresentável do que qualquer outro existente no mercado, porque foi projetado para detetar automaticamente quem está a aceder ao veículo através do seu smartphone.

Trata-se de uma nova forma de combate ao roubo de automóveis, a fazer lembrar as invenções do laboratório de mister Q, da saga 007 – James Bond, mas que de início vai causar alguns receios nos clientes. Pode o carro desconfigurar-se e resolver não reconhecer o dono.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Curiosidades

Caixa de cerveja servia como banco de criança

Published

on

Um condutor canadiano foi apanhado pela polícia com uma criança de 8 anos sentada numa caixa de cerveja e, como se não fosse suficiente, a criança estava sentada no banco dianteiro.

Segundo a CBS, a polícia de Ontário, no Canadá, apanhou um condutor de 22 anos de idade em flagrante delito ao transitar no seu veículo com uma criança de oito anos de idade sentado em cima de uma caixa de 30 cervejas. Como o assento não era obviamente apropriado, e tal como em Portugal, uma criança de oito anos não pode viajar no banco dianteiro.

O condutor desculpou-se que tinha esquecido o banco da criança em casa e que esta foi a forma que encontrou para transportar o menor.

Depois de lhe passarem a respetiva multa, os polícias tiveram a amabilidade de lhe emprestar uma cadeira de criança adequada à idade para conseguir chegar a casa em segurança com o menor.

Continuar a ler

Curiosidades

Uma comichão que deu multa

Published

on

Na China um condutor de apelido Liu começou o seu dia normalmente com os seus afazeres habituais quando foi apanhado nas câmeras de vigilância rodoviária. Estas estão preparadas para identificação facial e monitorização de comportamentos e passado alguns dias Liu recebeu em casa uma multa por ter sido apanhado a conduzir e a falar ao telemóvel.

O curioso desta história é que Liu contestou a multa pois estava apenas a coçar-se na cara, gesto que “enganou” a câmera de vigilância, levando a que esta desencadeasse o processo de multa.

Felizmente as autoridades reconheceram a falha e a multa, com a respetiva coima e perda de pontos na carta de condução, foi retirada. No entanto não deixa de ser um aviso do que pode esperar os condutores com a evolução da vigilância eletrónica nas estradas… e não só.

Continuar a ler

Curiosidades

David Beckham ficou sem carta de condução

Published

on

A mania de falar ao telemóvel durante a condução custou caro ao ex-futebolista inglês. E não foi a polícia que o apanhou em flagrante…

O ex-jogador de futebol britânico foi apanhado em flagrante ao telemóvel enquanto conduzia o seu Bentley. Porém, não foi nenhuma autoridade de trânsito nem uma câmara de fiscalização que “apanhou” David Beckham. A estrela dos relvados foi filmada por uma pessoa não identificada, que caminhava pela rua e viu a cena. O pedestre filmou a infração de David Beckham e postou nas redes sociais.

Em pouco tempo as autoridades britânicas trataram de penalizar o ex-jogador. Beckham foi multado, pagou 750 libras (860 euros), mais 100 libras por custas judiciais (115 euros).

Beckham vai ficar seis meses sem conduzir porque já tinha acumulado diversas multas por excesso de velocidade e com este episódio tão sonante nas redes sociais não se escapou ao castigo.

Se conhece algum motorista competente… recomende-o a David Beckham.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Para ler

Newsletter

Em aceleração