Carta verde do seguro passou a ser branca – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

Carta verde do seguro passou a ser branca

Published

on

O Certificado Internacional de Seguro Automóvel, vulgarmente apelidado de carta verde, deixou de ser verde e passou a ser branco desde 1 de Julho do corrente ano.



Não é necessário fazer nada por parte dos assegurados pois os Certificados passados até essa data continuam válidos apenas houve uma alteração para os certificados emitidos a partir de 1 de Julho.

De maneira a agilizar o processo, foi tomada esta decisão de mudança da cor da carta pois assim permite às seguradoras enviar a carta por e-mail para os seus clientes que podem imprimir em casa. Ao mesmo tempo evitam-se as incómodas situações de extravio das cartas enviadas pelo correio.

Esta nova “carta branca” do seguro continua a ter o selo destacável a verde sendo o único elemento que mantém a mesma cor do certificado antigo.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Notícias

Fusilier é o primeiro elétrico da Ineos

Published

on

A Ineos Automotive continua o seu percurso no seio dos modelos todo-o-terreno no seu conceito mais “puro” e desta vez vai enveredar também pelo caminho da eletrificação. O seu terceiro modelo denominado Fusilier vai ser a sua primeira proposta 100% elétrica.



Depois de ter lançado o Grenadier e a sua versão pick-up, o Grenadier Quartermaster, a Ineos vai lançar o Fusilier, uma aposta que tem uma versão 100% elétrica. Mais pequeno em termos de dimensões que o Grenadier, este Fusilier utiliza uma nova plataforma e estão planeadas duas versões, uma totalmente elétrica e outra que conta com um pequeno motor a gasolina que funcionará apenas como gerador.

Ainda não foram divulgadas características técnicas precisas, mas sabe-se que a versão 100% elétrica terá uma autonomia a rondar os 400 quilómetros, ao passo que a versão com o extensor de autonomia terá apenas 270 quilómetros devido à utilização de uma bateria de menor capacidade.

O Fusilier deverá ser apresentado pela Ineos no outono deste ano.

Continuar a ler

Notícias

Bugatti mostra o Bolide em pista

Published

on

A Bugatti continua a desenvolver o seu hiperdesportivo Bolide e desta vez foi no circuito de Imola que a exclusiva marca francesa testou o sistema de travões da Brembo que estará ao nível das soluções utilizadas nos monolugares de Fórmula 1.



Este hiperdesportivo da Bugatti conta com um motor W16 com 8.0 litros de capacidade e uma potência máxima de 1.600 cv. Pesa 1.450 quilos e para parar o Bolide ele conta na frente com pinças de oito pistões, discos em carbono e quatro pastilhas ao passo que atrás as pinças passam a ter “apenas” seis pistões e umas pastilhas e discos de dimensões ligeiramente menores.

Apenas serão produzidas 40 unidades deste Bugatti e todas já estão vendidas, sendo que o seu preço rondará os 4 milhões de euros. Vejamos então o vídeo dos testes no circuito de Imola, em Itália.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por trkicks
    Pesquisei no fórum e não encontrei nenhum tópico específico sobre inteligência artificial. Podemos aqui debater opiniões, que ferramentas já...
  • por Charger144
    Não sou especialista em meteorologia [:cool:], e por isso preciso da ajuda do pessoal aqui do forum para entender algo que a mim faz alguma...
  • por claudiosilvaa
    Olá a todos os membros deste fórum, há 1 semana comprei uma Peugeot 308sw 1.6 BlueHdi de janeiro de 2017, já fiz cerca de 600kms e estou...
  • por ShenG
    Boas pessoal Preciso de me certificar a 100% o tipo de óleo que devo usar numa lavadora a gasolina adquirida recentemente. Manual diz: "Este...

Em aceleração