Como evitar enjoar no carro – Motorguia
Ligue-se connosco

Curiosidades

Como evitar enjoar no carro

Published

on

Ler, usar o telemóvel, ver mapas ou simplesmente sentar-se no banco de trás é o suficiente para sentir náuseas quando anda de carro. Damos 10 dicas para minimizar este mal-estar, mesmo se viajar com crianças.

Viajar no banco traseiro do carro é considerado o local mais indutor de náuseas e mais ainda se estiver a ler enquanto o carro está em movimento. Estima-se que cerca de 20% dos utilizadores dos automóveis, sejam condutores ou passageiros, sofrem destes sintomas com frequência.

O uso do telemóvel ou do tablet veio aumentar o número de “queixosos” que aproveitam para consultar o smartphone enquanto segue nos lugares de passageiros.

Outro dos motivos apontados são as estradas sinuosas que aumentam os balanços e por consequência provocam náuseas. As crianças são as mais afetadas pelos traçados sinuosos, em parte porque não conseguem acompanhar a estrada por se encontrarem no banco traseiro e com visibilidade reduzida. Ficam expostas ao balanço contínuo e imprevisível das curvas e ás acelerações e travagens mais fortes que o veículo lhes provoca e acabam muitas vezes por não conseguir conter o vómito.

Segundo os médicos, o enjoo é uma perturbação muito frequente do ouvido interno causada por movimentos repetidos. A sensibilidade ao movimento varia de pessoa para pessoa e nas crianças é mais frequente porque o corpo está em processo de aprendizagem e interpretação de novos movimentos. As viagens no mar ou mesmo de avião em turbulência são igualmente semelhantes à viagem em automóvel.

Os sintomas mais frequentes são a náusea, vómito, tontura e sensação de indisposição que pode provocar suores.

O que pode fazer para minimizar este desconforto em viagem:

– Evite comidas de difícil digestão, muito condimentados e com gorduras antes de viajar.

– Não consuma bebidas alcoólicas antes e durante a viagem.

– Escolha um lugar onde consiga antecipar os movimentos e tenha melhor perceção da estrada.

– Não leia nem use o telemóvel.

– Abra um pouco o vidro para entrar ar fresco ou use o ar condicionado para se refrescar.

– Tome medicamentos de venda livre para o enjoo entre 30 a 60 minutos antes de iniciar a viagem. Não aconselhável se for o condutor porque a maioria destes medicamentos provocam sonolência.

Viajar com crianças

As crianças são as mais propensas ao enjoo e ao vómito durante as viagens. Tente não se esquecer delas e proporcione-lhe uma viagem tranquila bastando para tal fazer duas coisas essenciais:

1 – Paragens frequentes a cada 90 minutos no máximo. Retire a criança do carro e coloque-a no chão para que ande um pouco e respire o ar da rua. Desta forma, a criança readquire o seu equilíbrio natural e o contacto com o solo e estar em pé é importante para ela. Lembre-se que a criança viaja normalmente suspensa no banco, com os pés pendurados. Está exposta a todo o tipo de balanços e presa apenas pelo cinto da cadeira.

2 – Escolha itinerários com poucas curvas e pouco sinuosos, de preferência sempre por autoestrada. Conduza de forma suave, antecipe as travagens e arranque suavemente, evitando balanços desnecessários.

Outros aspetos importantes:

– Se viaja com crianças evite usar perfumes, colónias ou desodorizantes com odores fortes. São o detonador do vómito em viagem.

– Tente abrir ligeiramente as janelas do carro para renovar o ar a bordo, se o tempo o permitir.

– Hidrate as crianças durante a viagem. Se circula com o ar condicionado ligado as crianças vão ficar com sede rapidamente. Deve dar-lhes água durante a viagem, em especial nas paragens que fizer, mas não em excesso.

– Se a criança se queixar deve parar de imediato, observando todas as regras de segurança do local onde circula, e retirar a criança para fora do carro, aplicando a regra 1 que indicámos em cima. Pode dar-lhe água em pequena quantidade e evite dar-lhe qualquer tipo de comida.

 

 

 

 

Curiosidades

A paixão automóvel cubana também chega aos Lada

Published

on

O amor dos cubanos pelos seus automóveis motos é sobejamente conhecido, sendo até o seu parque automóvel, repleto de relíquias norte americanas dos anos 50 ainda em circulação, uma das suas atrações turísticas. Mas essa paixão não se fica pelas máquinas do Tio Sam e estende-se ao outro lado da barricada da Guerra Fria, aos Lada oriundos da antiga URSS.



Tendo começado a chegar a Cuba no final dos anos 60, início dos anos 70, os Lada começaram a circular nas estradas cubanas na forma de táxis, ou de veículos de estado, sendo uma das primeiras alternativas aos envelhecidos modelos americanos dos anos 40 e 50 para os quais escasseavam peças de substituição devido ao embargo norte-americano à ilha de Fidel Castro.

Hoje em dia também os Lada são uma relíquia, mas tal como os clássicos americanos, também eles ganham uma nova vida na mãos do engenhoso povo cubano que os mantém bem vivos naquilo a que se pode chamar de autentico “milagre mecânico”.

Não é por isso de estranhar que tenha nascido o Cuba Lada Club, que reúne proprietários e aficionados destes carros fabricados na antiga União Soviética e que num dos seus primeiros encontros juntou 140 modelos, todos eles já com um “toque” cubano.

Continuar a ler

Curiosidades

Lexus produz um IS350 com gira discos

Published

on

A Lexus tem estado a contar com a ajuda de alguns influencers que personalizam um dos seus modelos ao seu gosto e neste caso o resultado foi a instalação de um gira-discos no porta-luvas de um Lexus IS350.



Este Lexus em concreto dá pelo nome de IS350 Wax e teve a ajuda de dois nomes da música, MC Adlib e Kaytranada, no seu desenvolvimento.

Segundo o construtor nipónico os discos não saltam, mesmo com o modelo em movimento. Não especificando com grandes pormenores técnicos como tal é conseguido, a Lexus sempre revelou que o prato está assente numa almofada de silicone que reduz os efeitos dos ressaltos e que o mesmo conta também com um motor encarregue de estabilizar o prato.

Continuar a ler

Curiosidades

Já imaginou um carro que faz massagens aos pés?

Published

on

Um automóvel equipado com bancos capazes de fazer massagens aos seus ocupantes é algo que já vimos em vários modelos premium e de luxo mas a General Motors prepara-se para dar um passo em frente ao acrescentar massagens aos pés.



O conceito não é inovador no sentido em que a Audi já experimentou um sistema de massagens aos pés para os ocupantes dos bancos traseiros do seu A8 em que os mesmos colocavam os pés nas costas do banco da frente para que estes fossem massajados.

O que a General Motors patenteou é um sistema diferente em que a massagem é feita no soalho do próprio automóvel. Aparentemente só se destina aos passageiros, e não ao condutor como é compreensível, e ao ser implementado no soalho do veículo não obriga a que o passageiro tenha de mudar a sua posição para colocar os pés nas costas do banco dianteiro, por exemplo.

Assim sendo no universo do conforto e do luxo novas ideias esperam os modelos do futuro, vejamos como serão implementadas e se realmente relaxam os pés ou não.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração