Nissan vai passar a ser importada pela Salvador Caetano – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

Nissan vai passar a ser importada pela Salvador Caetano

Published

on

A Salvador Caetano vai passar a ser o importador oficial da Nissan para o mercado nacional. Estima-se que a partir de novembro deste ano a conhecida empresa nacional do setor automóvel passará a ser a responsável pela venda de modelos novos, pelo serviço e pelas peças da Nissan em Portugal.



Ainda sujeito a aprovação pela Comissão da Concorrência, este acordo determina que todos os funcionários atuais da Nissan irão passar para a estrutura da Salvador Caetano.

De acordo com o diretor executivo dos Mercados Independentes e vice-presidente de Desenvolvimento de Negócios da região Nissan AMIEO (África, Médio Oriente, Índia, Europa e Oceânia), Sinan Ozkok, “Os mercados europeus estão a evoluir rapidamente e estamos focados em garantir que temos os recursos certos para satisfazer estas necessidades em mudança e as expectativas dos clientes. Esta decisão segue-se a uma extensa análise das nossas operações em Portugal e baseia-se no roteiro da Nissan para o crescimento sustentável, que implica a racionalização do nosso negócio, bem como a priorização e foco, para transformar a organização numa empresa mais simples e ágil”.

Já o administrador executivo da Salvador Caetano Auto, Sérgio Ribeiro, refere que «este acordo estabelece um marco de grande importância para ambas as empresas. Depois de uma parceria duradoura nas atividades de retalho em Portugal, estamos agora a evoluir o nosso papel para nos tornarmos distribuidor da Nissan para o mercado português. Além disso, esta parceria permitir-nos-á apoiar a Nissan na implementação de uma estratégia mais ágil, com um maior foco no mercado nacional e, acima de tudo, na satisfação das necessidades dos nossos clientes».

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Notícias

Toyota Hilux a hidrogénio já anda em testes

Published

on

A Toyota já está em fase de testes com a pick-up Hilux FCEV, versão equipada com tecnologia de célula de combustível de hidrogénio e que promete uma autonomia de cerca de 600 quilómetros.



O construtor nipónico já produziu dez unidades desta Hilux na sua fábrica de Burnaston, no Reino Unido, sendo que cinco delas já andam a fazer testes. Esta versão da Hilux conta com uma solução que tem por base o sistema já utilizado no Toyota Mirai que neste caso é alimentado por três depósitos de alta pressão situados no centro do chassis desta pick-up com uma capacidade conjunta de combustível de 7,8 quilos. Sobre o eixo dianteiro está a pilha com as células de combustível de eletrólito de polímero e no eixo traseiro está o motor elétrico capaz de debitar 182 cv de potência e um binário de 300 Nm.

Continuar a ler

Notícias

Novo SUV da Ford poderá chamar-se… Capri

Published

on

Há muito que o nome Capri tem vindo a ser falado como um novo modelo da Ford que poderia recuperar o legado de um coupé com história na marca, contudo poderá não ser um coupé, mas sim um SUV elétrico.



A Ford prepara-se para lançar no próximo dia 10 de julho o seu terceiro modelo totalmente elétrico que, ao que parece, será um SUV-coupé com um caráter desportivo. Esta nova proposta utiliza a mesma plataforma do Ford Explorer elétrico e deverá ficar posicionado na gama marca norte-americana abaixo do Mustang Mach-E.

Ainda não havendo certezas, suspeita-se que o nome deste que é o segundo modelo elétrico da Ford fabricado em solo europeu irá ser Capri.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

Em aceleração