Toyota vai lançar versão GR Sport da Hilux – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Toyota vai lançar versão GR Sport da Hilux

Published

on

O sucesso que a Toyota Gazoo Racing alcançou no Rali Dakar inspirou a criação da Hilux GR Sport, o novo topo de gama da pick-up japonesa.



A Hilux GR Sport foi concebida para atrair a atenção dos clientes que procuram um estilo de vida ativo, que vai alem do quotidiano, proporcionado pelo veículo ideal para viagens de aventura e lazer. A Toyota desenvolveu uma suspensão dedicada para oferecer uma experiência de condução, com mais controlo, capacidade de resposta e sensação de aderência ao piso. Uma série de detalhes exclusivos, no interior e exterior que reforçam o design da pick-up inspirada na Gazoo Racing (GR).

A principal novidade é a adoção de novos amortecedores e molas helicoidais dianteiras. A nova suspensão conta com um melhorado desempenho de amortecimento, com resposta mais rápida do amortecedor e melhor dissipação de calor. Os novos amortecedores também mantêm a qualidade do óleo dentro do amortecedor mesmo ao conduzir em condições mais difíceis.
As molas dianteiras, agora mais duras, e os novos amortecedores passam a ser pintados de vermelho para destacar o caracter especial da Hilux GR Sport. A Hilux GR Sport mantém o desempenho de confiança em condições de condução exigentes, da recentemente renovada gama Hilux.

Em comparação com as Hilux da restante gama, estas mudanças oferecem melhorias significativas nas características de condução, incluindo a resposta da direção e comportamento em curva, no desempenho dinâmico em linha reta e sensação de aderência traseira mesmo em curvas mais bruscas ou apertadas.
A nova configuração contribui significativamente para o conforto, com uma resposta rápida às altas frequências de vibração e aumenta a capacidade de amortecimento para controlar o movimento da carroçaria e eliminar choques.

A Hilux GR Sport conta com um potente motor de 2.8 litros, introduzido na gama em 2020. Esta motorização apresenta-se com 204 cv (150 kW) e 500 Nm de binário, aliado a uma transmissão automática de seis velocidades. Exclusivamente na versão de cabina dupla, a Hilux GR Sport mantém as impressionantes capacidades de carga da Hilux, as melhores no seu segmento: permitindo uma carga útil até uma tonelada e rebocar até 3.5 toneladas.
Os detalhes exclusivos no interior e exterior reforçam o caracter especial da Hilux GR Sport. A grelha dianteira preta tem uma malha em padrão G específica e apresenta uma barra horizontal central proeminente. No lugar habitual do logotipo da marca, surge o nome Toyota, escrito por extenso, que evoca os modelos clássicos.

Este toque é inspirado no design da 4º geração do início dos anos 80. O design frontal que transmite robustez, é amplificado por novos e maiores contornos dos faróis de nevoeiro dianteiros. As jantes de liga leve de 17 polegadas surgem com contraste preto e acabamento maquinado, montadas em pneus de todo-o-terreno. A cor preta está presente no exterior dos espelhos retrovisores, degraus laterais, guarda-lamas e zona de abertura da traseira. Realçando o contraste com o vermelho dos novos amortecedores.

No habitáculo, os novos bancos dianteiros desportivos, apresentam uma combinação de pele preta e camurça sintética com pesponto vermelho. A marca GR Sport está presente nos encostos dos bancos, tapetes, no botão “Start” e no gráfico de animação do mostrador de informações. Para os que procuram mais controlo, a transmissão permite o controlo manual. Os pedais desportivos de alumínio combinam com os acabamentos em fibra de carbono e com a linha vermelha ao longo da largura do painel de instrumentos. A iluminação do painel de portas é num azul suave.

Ao nível de equipamento, a Hilux GR Sport inclui faróis LED, chave inteligente, ar condicionado bi-zona, controlo de assistência em descidas e um diferencial autoblocante automático. A chegada a Portugal da nova Hilux GR Sport está prevista para final de setembro de 2022.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Camiões Otokar Atlas começam a ser vendidos em Espanha

Published

on

A GBister Ibérica, empresa fundada em 1994 e que comercializa mini autocarros transformados, vai iniciar a importação dos camiões Otokar Atlas para território espanhol… para já.



Assim, o importador já tem disponíveis dois modelos para o transporte de mercadorias: um chassis-cabina de 8,5 toneladas em duas versões (chassis longo e chassis curto), e outro camião de 12,1 toneladas que resulta da adição de um terceiro eixo ao mais pequeno da família.
Ambos os camiões são alimentados por um motor Diesel Cummins de 3,8 litros e 150 CV, com uma curva de binário muito plana. Em combinação com a caixa de velocidades ZF 6+1, torna a condução muito agradável porque permite trabalhar com uma ampla gama de rotações sem necessidade de mudar de velocidade.

Outra chave para o sucesso dos camiões Otokar é o sistema de travagem pneumático Wabco: “Neste segmento, todos os concorrentes têm travões mecânicos e, quando conduzimos um camião de 8,5 toneladas, é muito importante que os travões sejam eficientes. É um bónus extra de qualidade e segurança”, explica Bautista.

Além disso, os camiões Otokar Atlas dispõem de uma gama completa de equipamentos de série: ar condicionado, ACC (Adaptive Cruise Control), EBS, travão de motor, LDWS (Lane Departure Warning System), AEBS (Advanced Emergency Braking System), ESC (Electronic Stability Control), espelhos aquecidos, cama… Por fim, é de salientar a amplitude e o conforto da cabina.

O objetivo para este primeiro ano é registar cerca de 40 unidades em Espanha. De acordo com as previsões, 65-70% das vendas corresponderão ao modelo de 8,5 toneladas e o restante ao modelo de 12,1 toneladas. Para 2025, os objectivos são mais ambiciosos porque a família vai crescer em breve com duas novas versões (10,6 e 16 toneladas) que aumentarão a sua versatilidade.

A Otokar vende camiões na Turquia há mais de cinco anos com um sucesso notável: em 2023, registou 1.000 unidades e alcançou uma quota de mercado de 50% no segmento dos camiões de 7,5-8,5 toneladas, em concorrência direta com marcas bem estabelecidas a nível mundial. A boa receção encorajou a empresa turca a dar um passo em frente e começar a distribuir os camiões em solo europeu. Primeiro na Bulgária e na Roménia e, pouco depois, em Espanha, onde depositou a sua confiança no Grupo Somauto, com o qual mantém uma longa e bem sucedida relação há mais de 15 anos no domínio dos veículos de passageiros.
Será que Portugal tem mercado para esta marca?

Continuar a ler

Comerciais

Fábrica DAF Trucks Vlaanderen na Bélgica foi nomeada “Fábrica do Futuro”

Published

on

A fábrica DAF Trucks Vlaanderen (Bélgica) recebeu o prémio de “Fábrica do Futuro”. Este prestigioso prémio reconhece o impressionante desenvolvimento da fábrica belga de cabinas e eixos da DAF em Westerlo para uma fábrica tecnologicamente avançada, que se encontra entre as mais modernas do seu género no mundo.



A federação belga para a tecnologia Agoria atribui anualmente certificados de “Fábrica do Futuro” a um número selecionado de instalações de produção pioneiras e sustentáveis na Bélgica. A Agoria representa mais de 2000 empresas e 320 000 trabalhadores da indústria tecnológica e metalúrgica na Flandres, na Valónia e na região de Bruxelas. O seu objetivo é estimular a inovação para reforçar o poder da indústria belga.
“A DAF Trucks Vlaanderen é um excelente exemplo de uma ‘Fábrica do Futuro’”, afirma Jolyce Demely, diretora-geral da Agoria na Flandres. “A nossa indústria tecnológica só pode competir internacionalmente se continuar a inovar fortemente. Temos de continuar a encorajar e a apoiar este processo. É a melhor forma de aumentar a nossa produtividade e de nos mantermos na linha da frente da corrida digital e ecológica que a indústria europeia está a atravessar! Esta deve ser também a tónica absoluta da política industrial flamenga.”
Para a DAF Trucks, o reconhecimento é um verdadeiro testemunho da transição significativa à qual a fábrica foi submetida na preparação para a produção de uma série completa de veículos de nova geração.

“Em primeiro lugar, esta distinção é um verdadeiro reconhecimento da equipa”, afirmou Stijn Van Eyken, diretor-geral da DAF Trucks Vlaanderen. “Juntos, desenvolvemos e realizámos uma fábrica de cabinas totalmente nova, incluindo uma oficina de pintura ecológica, uma fábrica de carroçarias em branco altamente robotizada e uma nova linha de acabamento interior, que disponibiliza uma ergonomia excecional aos nossos colegas.”
Van Eyken acrescentou: “Além disso, a fábrica de eixos foi completamente redesenhada para oferecer igualmente ótimas condições de trabalho, a par da mais elevada qualidade. Estou certo de que a nova geração de camiões DAF XD, XF, XG e XG+ foi galardoada com o prémio ‘Camião Internacional do Ano’ em 2022 e 2023 também graças às excelentes cabinas e eixos fabricados em Westerlo. A atribuição do prémio ‘Fábrica do Futuro’ ilustra mais uma vez o sucesso que a indústria de fabrico de alta tecnologia pode ter na Bélgica.”

O certificado foi entregue a Stijn Van Eyken pelo ministro-presidente da Flandres, Jan Jambon.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

Em aceleração