Toyota vai lançar versão GR Sport da Hilux – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Toyota vai lançar versão GR Sport da Hilux

Published

on

O sucesso que a Toyota Gazoo Racing alcançou no Rali Dakar inspirou a criação da Hilux GR Sport, o novo topo de gama da pick-up japonesa.



A Hilux GR Sport foi concebida para atrair a atenção dos clientes que procuram um estilo de vida ativo, que vai alem do quotidiano, proporcionado pelo veículo ideal para viagens de aventura e lazer. A Toyota desenvolveu uma suspensão dedicada para oferecer uma experiência de condução, com mais controlo, capacidade de resposta e sensação de aderência ao piso. Uma série de detalhes exclusivos, no interior e exterior que reforçam o design da pick-up inspirada na Gazoo Racing (GR).

A principal novidade é a adoção de novos amortecedores e molas helicoidais dianteiras. A nova suspensão conta com um melhorado desempenho de amortecimento, com resposta mais rápida do amortecedor e melhor dissipação de calor. Os novos amortecedores também mantêm a qualidade do óleo dentro do amortecedor mesmo ao conduzir em condições mais difíceis.
As molas dianteiras, agora mais duras, e os novos amortecedores passam a ser pintados de vermelho para destacar o caracter especial da Hilux GR Sport. A Hilux GR Sport mantém o desempenho de confiança em condições de condução exigentes, da recentemente renovada gama Hilux.

Em comparação com as Hilux da restante gama, estas mudanças oferecem melhorias significativas nas características de condução, incluindo a resposta da direção e comportamento em curva, no desempenho dinâmico em linha reta e sensação de aderência traseira mesmo em curvas mais bruscas ou apertadas.
A nova configuração contribui significativamente para o conforto, com uma resposta rápida às altas frequências de vibração e aumenta a capacidade de amortecimento para controlar o movimento da carroçaria e eliminar choques.

A Hilux GR Sport conta com um potente motor de 2.8 litros, introduzido na gama em 2020. Esta motorização apresenta-se com 204 cv (150 kW) e 500 Nm de binário, aliado a uma transmissão automática de seis velocidades. Exclusivamente na versão de cabina dupla, a Hilux GR Sport mantém as impressionantes capacidades de carga da Hilux, as melhores no seu segmento: permitindo uma carga útil até uma tonelada e rebocar até 3.5 toneladas.
Os detalhes exclusivos no interior e exterior reforçam o caracter especial da Hilux GR Sport. A grelha dianteira preta tem uma malha em padrão G específica e apresenta uma barra horizontal central proeminente. No lugar habitual do logotipo da marca, surge o nome Toyota, escrito por extenso, que evoca os modelos clássicos.

Este toque é inspirado no design da 4º geração do início dos anos 80. O design frontal que transmite robustez, é amplificado por novos e maiores contornos dos faróis de nevoeiro dianteiros. As jantes de liga leve de 17 polegadas surgem com contraste preto e acabamento maquinado, montadas em pneus de todo-o-terreno. A cor preta está presente no exterior dos espelhos retrovisores, degraus laterais, guarda-lamas e zona de abertura da traseira. Realçando o contraste com o vermelho dos novos amortecedores.

No habitáculo, os novos bancos dianteiros desportivos, apresentam uma combinação de pele preta e camurça sintética com pesponto vermelho. A marca GR Sport está presente nos encostos dos bancos, tapetes, no botão “Start” e no gráfico de animação do mostrador de informações. Para os que procuram mais controlo, a transmissão permite o controlo manual. Os pedais desportivos de alumínio combinam com os acabamentos em fibra de carbono e com a linha vermelha ao longo da largura do painel de instrumentos. A iluminação do painel de portas é num azul suave.

Ao nível de equipamento, a Hilux GR Sport inclui faróis LED, chave inteligente, ar condicionado bi-zona, controlo de assistência em descidas e um diferencial autoblocante automático. A chegada a Portugal da nova Hilux GR Sport está prevista para final de setembro de 2022.

Comerciais

Volkswagen Crafter foi a escolha do INEM para a sua frota de ambulâncias

Published

on

A SIVA|PHS entregou ao INEM 45 novas Volkswagen Crafter, totalmente equipadas, que vão renovar a frota de Ambulâncias de Emergência Médica (AEM) e de Suporte Imediato de Vida (SIV) daquele instituto.



A cerimónia de entrega decorreu no Padrão dos Descobrimentos e contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales; do Presidente do INEM, Luís Meira; dos Diretores-Gerais da SIVA|PHS, Viktoria Kaufmann e Rodolfo Florit; do Diretor-Geral da Volkswagen Veículos Comerciais, Ricardo Vieira; e do Diretor de Vendas especiais, Magno Gonçalves.

Estas novas ambulâncias são a prova da adaptabilidade e tecnologia dos veículos da Volkswagen Veículos Comerciais. Estas Volkswagen Crafter foram cuidadosamente remodeladas e totalmente equipadas, garantindo que cumprem todos os requisitos do INEM. Os novos veículos serão distribuídos por diversas zonas do país: dezassete ambulâncias ficam afetas à Delegação Regional (DR) do Norte; dez à DR Centro; doze afetas à DR Sul, em Lisboa; e seis à DR Sul – Faro.

Continuar a ler

Comerciais

Nova Ford Transit Custom elétrica mostra a sua nova face

Published

on

Só chega ao mercado em meados do próximo ano mas a Ford Pro já avançou com detalhes da nova e-Transit Custom 100% eléctrica.



Com esta variante, a marca americana quer estabelecer um novo padrão de referência no segmento europeu dos furgões até uma tonelada. O visual é agora muito mais moderno e “amigável” graças aos novos e afilados faróis LED, a adoptarem uma nova assinatura luminosa em forma de X.

A uni-los está uma faixa de luz que percorre toda a parte superior da nova grelha com um padrão prateado em favo de mel. A traseira é marcada pelos farolins LED verticais e ligeiramente escurecidos.

A suportar a E-Transit Custom estará um pacote completo de software, e soluções de carregamento, serviços e financiamento. Essa oferta, de acordo com a Ford Pro, será feita através de uma plataforma abrangente para aumentar o tempo de operação e reduzir custos operacionais.

Entre as funcionalidades desenvolvidas está a tecnologia ProPower Onboard, para fornecer energia para ferramentas, luzes e dispositivos no terreno. Também não há dados sobre o sistema motriz do furgão, assim como a bateria, que terá capacidade de carga rápida em corrente contínua. A Ford Pro adianta, no entanto, que a autonomia está apontada para os 380 quilómetros, e o furgão terá total capacidade de reboque.

No início deste ano, a Ford anunciou que, até 2024, mais quatro novos veículos 100% elétricos irão juntar-se à E-Transit de duas toneladas.
Todas as variantes da Transit Custom serão construídas pela Ford Otosan, nas instalações turcas de Kocaeli.
A e-Transit Custom entrará em produção na segunda metade de 2023, estando marcada para Setembro a divulgação de mais detalhes do furgão elétrico. Todavia, esta nova geração da Transit Custom será comercializada com motores de combustão.

Continuar a ler

Comerciais

Renault Trucks anuncia alterações nos seus camiões

Published

on

Em 2021, a Renault Trucks introduziu importantes alterações nas suas gamas T, T High, C e K em termos de design, facilidade de condução e conforto a bordo.



A chegada dos novos motores de 11 e 13 litros Euro VI Step E, os DE11 e DE13, os quais, combinados com a integração de novas tecnologias e serviços específicos, proporcionam poupanças de combustível que podem atingir 10% em comparação com a geração anterior de motores Renault Trucks.

A nova geração de motores Euro VI Step E, da Renault Trucks, o DE11 e o DE13, incorporam novas tecnologias que reduzem significativamente o consumo de combustível e as emissões de CO2.

Para melhorar a combustão, os motores DE11 e DE13 possuem a tecnologia patenteada Wave Piston. Com o reencaminhamento das chamas no interior da câmara de combustão, a solução permite uma melhor utilização do oxigénio disponível e, por conseguinte, uma melhor combustão. Os motores estão também equipados com novos injetores, mais precisos e adaptados à nova combustão.

Em termos de eficiência, a Renault Trucks focou-se também na redução das perdas por atrito: os veios de ligação, os pistões e a cambota foram redesenhados e o controlo dos gases no cárter foi otimizado. Foi também desenvolvido um novo turbocompressor de alto desempenho com rolamentos de esferas que exibe um melhor tempo de resposta e uma bomba de óleo de caudal variável, em combinação com óleo de baixa viscosidade. Por último, mas não menos importante, a Renault Trucks escolheu um sistema de pós-tratamento otimizado e uma nova unidade de controlo do motor.

Para obter o máximo desempenho os camiões T, T High e C da Renault Trucks podem ser equipados, como opção, com o motor DE13 TC com a tecnologia Turbo Compound, que proporciona poupanças de combustível significativas sem comprometer a manobrabilidade ou a velocidade comercial.
Uma turbina adicional, posicionada a jusante do turbocompressor, converte a energia residual dos gases de escape em energia mecânica que é transmitida à cambota na forma de binário do motor adicional.

Desta forma, a Turbo Compound permite que sejam atingidos níveis mais elevados de binário a regimes mais baixos do motor. Na autoestrada, durante o uso do controlo de velocidade de cruzeiro (cruise control) e em subidas será possível manter uma velocidade constante sem engrenar mudanças mais baixas.

Os veículos estão equipados com a caixa de velocidades Optidriver da nova geração, que incorpora um novo calculador, um novo software de controlo e um novo atuador da embraiagem que permitem mudanças mais suaves e mais rápidas.
Para poupar ainda mais combustível, a Renault Trucks optou também pela solução Smart Torque Control, que maximiza o tempo na zona com a máxima eficiência do motor sem penalizar a manobrabilidade.A Renault Trucks continua também a melhorar o controlo de velocidade de cruzeiro preditivo Optivision, que recorre à topografia da estrada para otimizar as mudanças de velocidade e a poupança de combustível.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração