A nova Ducati Monster está pronta para 2021 – Motorguia
Ligue-se connosco

Motos

A nova Ducati Monster está pronta para 2021

Published

on

A Ducati guardou para o final da sua webseries “Ducati World Première” uma das revelações mais aguardadas: a nova Ducati Monster 2021, um nome que representa um dos maiores sucessos de vendas da história da marca italiana.



Continuando fiel ao conceito original criado em 1993, esta nova Monster continua uma naked leve e potente, apesar desta geração perder um dos seus elementos mais icónicos, o quadro em treliça. Esta geração da Monster adota um quadro em alumínio que incorpora o motor como elemento integrante do quadro e que a marca de Borno Panigale batizou de “Front Frame”.

Esta solução retira cerca de 4,5 kg de peso ao quadro, reforçando a leveza desta Monster cujo peso em seco não ultrapassa os 166 kg, graças também ás novas jantes, ao braço oscilante e ao motor, tudo componentes que estão mais ligeiros no peso.

O motor Testastretta de dois cilindros em V a 11º tem agora uma capacidade de 937 cc, cumpre com as normas Euro 5, debita uma potência máxima de 11 cv às 9.500 rpm e um binário máximo de 93 Nm às 6.500 rpm.

Esta nova Monster tem três modos de condução, Urban, Touring e Sport que em função das circunstâncias e da opção de quem vai aos comandos, gerem o desempenho do ABS, do controlo de tração ou do sistema que controla a elevação da roda dianteira.

Em termos de desenho esta Monster também evoluíu sem perder as raízes e o depósito, sendo novo, mantém o conceito de silhueta de bisonte do original. O painel de instrumentos é agora TFT e tem origem na Ducati Panigale V4.

As soluções de personalização são inúmeras, seguindo um pouco aquilo que a Ducati tem feito nos últimos anos e de autocolantes que reforçam a decoração a kits da Ducati Performance que melhoram o rendimento, esta Monster tem de tudo um pouco para ficar ao gosto do seu proprietário.

Disponível nas cores Ducati Red, Aviator Grey e Dark Stealth, a nova Monster tem a sua chegada ao mercado nacional prevista para o início do segundo trimestre de 2021.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Motos

Miguel Oliveira foi 11º no Texas

Published

on

Miguel Oliveira esteve à beira do top ten na corrida texana e somou mais cinco pontos para o campeonato num fim de semana onde Maverick Viñales foi rei com a sua Aprilia.



Depois de ter conseguido o 14º lugar na qualificação, o fim de semana ia ser, uma vez mais, trabalhoso para o piloto de Almada. Na Sprint Race de sábado Miguel Oliveira fez grande parte da corrida na 12ª posição e na última volta conseguiu ascender ao 11º posto onde terminou. Por pouco não conseguiu nenhum ponto, numa corrida dominada por Maverick Viñales que mostrava estar muito competitivo.

No domingo a corrida principal foi muito emocionante e atribulada com o piloto português a cair duas vezes na classificação. Logo na primeira volta desceu para 17º lugar e depois de ter recuperado posições até ao 12º lugar, voltou a cair para o 16º posto tendo de fazer uma vez mais várias ultrapassagens para recuperar posições. Ainda assim chegou ao 11º lugar, mesmo atrás do seu colega de equipa da Trackhouse Racing, Raul Fernandez, e somou mais cinco pontos no campeonato.

A corrida teve uma luta intensa pela liderança e foi um poço de emoções com Maverick Viñales a ter problemas logo no arranque e a cair para a 9ª posição. No entanto o piloto espanhol foi recuperando lugares paulatinamente até que na 13ª volta conseguiu assumir a liderança por onde já haviam passado Pedro Acosta e Jorge Martin com as suas Ducati. Até ao Final o piloto da Aprilia manteve o primeiro lugar e o pódio seria completo por Pedro Acosta em segundo e Enea Bastianini em terceiro.

Na classificação do mundial de MotoGP Jorge Martin continua na frente com 80 pontos, sendo seguido por Enea Bastianini com 59 e Maverick Viñales com 56. Miguel Oliveira está na 14ª posição com 13 pontos.

Continuar a ler

Motos

Inscrições online abertas para o Lés-a-Lés 2024

Published

on

A 26ª edição do Portugal de Lés-a-Lés já tem datas marcadas e decorrerá entre os dias 6 a 9 de junho e a inscrições online já estão abertas para aquele que é um dos passeios de mototurismo mais aguardados pelos fãs das duas rodas.



O Lés-a-Lés deste ano vai arrancar de Portimão, no Algarve e o destino será Penafiel, tendo paragens em Évora e Covilhã pelo meio. Segundo a organização esta edição terá um bom grau de exigência, levando os participantes a descobrir algumas das mais isoladas estradas raianas e incluindo uma passagem pelo território de “nuestros hermanos” em Espanha.

A segunda fase de inscrições já abriu e durará até ao dia 15 de maio sendo que os interessados podem fazer a sua inscrição online aqui: www.les-a-les.com

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por Brunobrunocarro
    Boa tarde a todos , espero que se encontrem todos bem . Como voces sao os entendidos nisto e eu nao percebo muito vim expor a minha questao . Peco...
  • por djnata
    1) Orçamento disponível: 12000 2) Novo ou usado: usado até 120.000km 3) Tipo de automóvel pretendido: Familiar e com boa bagageira. 4)...
  • por Zedobone
    Na Koreia já foi introduzia a medida ...
  • por malapeiro
    Boas, Tenho uma carrinha kia ceed 1.6 crdi 115cv de 2008. O indicador da temperatura do motor no quadrante anda maluco. Mostra leituras...

Em aceleração