Pagani Huayra Tricolore até faz fumo! – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

Pagani Huayra Tricolore até faz fumo!

Published

on

A Pagani lançou uma edição especial do Huayra que homenageia a esquadrilha acrobática da Força Aérea Italiana, os famosos Frecce Tricolore que comemoram 60 anos de existência e no vídeo do seu lançamento este Pagani até faz fumo!



A pintura é toda ela inspirada nos aviões Aermacchi MB-39 da esquadrilha e além das faixas verde, branca e vermelha nem sequer a numeração nas laterais da asa traseira faltam, tal como acontece nos caças da esquadrilha.

Naturalmente os detalhes alusivos à esquadrilha não se ficam pela pintura. Há também um trabalho aerodinâmico que foi feito neste Huayra que tem uma saia dianteira diferente, uma entrada de ar atrás dos bancos, situada a meio, entre os encostos de cabeça e que fornece mais ar para a mais recente versão do motor V12 biturbo da Mercedes que debita 840 cv de potência e 1.100 Nm de binário.

Atrás este Huayra também tem um novo difusor que aumenta a downforce. Um dos elementos mais curiosos e únicos é a inclusão de um elemento que é comum nos aviões, o tubo de Pitot que serve para medir a velocidade do ar e que está colocado bem no meio da frente deste Pagani, sendo os seus dados transmitidos ao condutor através de um manómetro específico (anemómetro) colocado no tablier.

O interior conta ainda com vários elementos fabricados em materiais oriundos da indústria aeronáutica, os bancos em pele são brancos e azuis e têm uma decoração específica, o mesmo sucedendo com o cinto de segurança de cinco pontos cujo centro tem o logótipo dos Frecce Tricolore

Esta edição está limitada a apenas três unidades e o preço unitário ronda os 5,5 milhões de euros, sem contar com os impostos. Para que não esmoreça o ânimo após esta informação aqui lhe deixamos o vídeo de apresentação do Pagani Huayra Tricolore onde este desportivo até faz o tradicional fumo verde, branco e vermelho típico da patrulha acrobática que homenageia:

 

Notícias

Comércio automóvel fecha, inspeções só por marcação

Published

on

Após terem mantido a atividade aberta durante o confinamento que estava em vigor até ontem, parece que os stands e concessionários de motos e automóveis vão ter mesmo de fechar neste novo confinamento mais restrito que agora foi decretado.



Será já a partir de amanhã que o comércio automóvel terá de fechar portas, seguindo as novas regras de confinamento que visam conter a propagação da pandemia do vírus Covid-19.

As inspeções periódicas também sofrem alterações sendo agora feitas apenas por marcação prévia. Estas medidas entra em vigor a partir de amanhã, dia 23 de janeiro, e mantêm-se durante os próximos 15 dias. No final deste período elas serão novamente avaliadas em função da evolução dos números da pandemia e poderão manter-se ou regressar a um funcionamento mais “normal”.

Continuar a ler

Notícias

Futuros Peugeot 208 e 2008 serão só elétricos

Published

on

A próxima geração do bem sucedido Peugeot 208 e do crossover 2008 deverão ser modelos totalmente elétricos. Com o lançamento previsto apenas para 2025 ou 2026, estes dois modelos deverão deixar de lado os motores a combustão.



Esta informação foi divulgada pela AutoExpress, baseando-se no documento interno da própria marca francesa. Esta opção pelas soluções elétricas surge, não apenas no facto da marca continuar a aumentar a sua oferta elétrica, cumprindo com as exigências de emissões impostas ao sector automóvel, como também acompanhando uma tendência de vendas no seio da própria marca do leão em que os modelos com alternativas elétricas ou híbridas têm estado a ter uma procura superior ao que era esperado.

Continuar a ler

Notícias

Sector automóvel não fecha neste confinamento

Published

on

Neste segundo confinamento, decretado desde dia 15 de janeiro, as empresas do sector automóvel e das motos, fazem parte das exceções à obrigação de fechar portas ao público enquanto durar este período restritivo.



Assim, tanto para as quatro como para as duas rodas, continuarão abertas as oficinas, concessionários, lojas de peças e acessórios, centros de inspeção, empresas de aluguer de automóveis, ou serviços de reboque, por exemplo.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração