Ligue-se connosco

Notícias

Os Lotus vão ser só elétricos

Published

on

A Lotus prepara-se para uma das maiores mudanças no seu longo historial com mais de 70 anos dedicados à construção de modelos desportivos. No próximo ano será lançado o último modelo da marca com motor de combustão e a Lotus passará a dedicar-se em exclusivo ao desenvolvimento e construção de desportivos elétricos.



Com a revelação do hiperdesportivo Evija totalmente elétrico a Lotus já deixara antever como seria o futuro da marca. Mas a aposta não será só em modelos de edição limitada como o Evija do qual apenas serão construídas 130 unidades com cada uma a custar mais de 2,6 milhões de euros. Haverá outros modelo não tão exclusivos.

Seja como for assinale-se o facto da Lotus passar diretamente dos motores a combustão para a propulsão elétrica, abdicando do “passo intermédio” da propulsão híbrida, que os responsáveis da marca consideram como uma solução que não encaixa com os pergaminhos da marca que sempre se focaram no peso dos seus modelos como fator determinante. A luta para conseguir o menor peso possível é algo que as soluções híbridas dificultam bastante pela inclusão de um motor a combustão, outro elétrico e ainda as baterias, o que tornam o desafio do peso ainda mais complicado de solucionar.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias

Porsche Panamera bate recorde em Nürburgring

Published

on

Ainda antes de ser apresentado o novo Porsche Panamera já bate recordes. Foi no mítico “Inferno Verde” de Nürburgring que conseguiu fazer o melhor tempo na categoria de automóveis executivos, conseguindo uma volta em 7:29.81 minutos.



Com as suas linhas definitivas escondidas por alguma camuflagem o novo Panamera fez-se aos 20.832 quilómetros da pista do Nürburgring Nordschleife com o piloto de testes Lars Kern aos comandos.

Segundo o piloto, “os aperfeiçoamentos realizados no chassis e conjunto motriz do novo Panamera foram sempre evidentes durante esta volta, naquele que é reconhecido como o circuito mais exigente do mundo. Particularmente nas secções Hatzenbach, Bergwerk ou Kesselchen, a nova definição do sistema eletromecânico de estabilização é consistentemente efetiva e oferece ao Panamera uma estabilidade incrível apesar do piso acidentado do circuito. Na Schwedenkreuz, o Panamera beneficiou do aprimorado comportamento dinâmico e do aumento da aderência dos novos pneus desportivos da Michelin. Alcancei velocidades de passagem em curva que nunca pensei serem possíveis com o Panamera”.

Não perca o vídeo deste feito da marca de Estugarda:

Continuar a ler

Notícias

Bentley Bentayga Speed, o mais rápido do mundo

Published

on

A Bentley revelou o Bentayga Speed, a mais recente versão do seu SUV que apelida como a “mais rápida do mundo” com uma velocidade máxima de 306 km/h e uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,9 segundos.



Com algumas atualizações estéticas que o colocam mais alinhado com os demais modelos da marca britânica, o Bentayga Speed inclui agora umas saias laterais na cor da carroçaria, um spoiler traseiro maior e uns faróis escurecidos, entre outros. Com 17 cores disponíveis este Bentayga Speed pode ainda ser encomendado com uma pintura a duas cores.

O interior desta versão também apela mais ao estatuto de “SUV mais rápido do mundo” e vive muito de contrastes onde a pele, ou opcionalmente a alcântara, convive com elementos em fibra de carbono.

O seu pulmão é o motor W12 com 6.0 litros de cilindrada capaz de debitar 635 cv de potência e 900 Nm de binário máximo e está acoplado a uma caixa automática de oito velocidades. Tendo em conta uma redução das emissões este motor tem uma gestão que lhe permite desligar até um máximo de seis cilindros sempre que estes não são necessários.

Este Bentley Bentayga Speed não virá para o mercado europeu e apenas será comercializado na Ásia, no Médio Oriente e nos Estados Unidos o que também assinala o fim da comercialização do motor W12 na Europa.

Continuar a ler

Notícias

Honda e já está à venda

Published

on

O primeiro veículo totalmente elétrico da Honda já chegou ao nosso país. O Honda e está disponível em duas verões, o base e o Advance, mais equipado e potente.



O Honda e base conta com um motor elétrico capaz de debitar uma potência de 136 cv e 315 Nm de binário, unidade que é alimentada por baterias de iões de lítio com 35,5 kWh que lhe dão uma autonomia até 222 quilómetros podendo através de um carregamento rápido de 30 minutos carregar 80% da sua capacidade.

Já o Honda e Advance oferece uma potência superior na casa dos 154 cv mantendo os mesmos valores de binário e uma autonomia de 210 quilómetros.

Em termos de preços o Honda e custa 36.000€ e o Advance 38.500€, oferecendo uma garantia de sete anos sem limite de quilómetros e para as baterias uma garantia de 8 anos ou 160 mil quilómetros.

O Honda e já pode ser encomendado na página específica da Honda para este seu primeiro elétrico e que pode ver aqui: www.hondae.pt

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração