Ligue-se connosco

Notícias

Rotundas para totós avançam

Published

on

Chamam-se Turbo Rotundas e permitem distribuir o trânsito rapidamente com um número reduzido de acidentes.

Foram apresentadas em 2015 na Holanda e desde então vão ganhando cada vez mais adesões em municípios e cidades europeias. A Polónia e a República Checa já aderiram a este tipo de rotundas que tem nos ciclistas os seus principais opositores.

O primeiro projeto de turbo rotunda surgiu em 2001, mas a sua evolução mais recente remonta a 2013 cujo desenho poderá visualizar no vídeo. A Comissão Europeia aprovou em 2015 vários projetos com este desenho de funcionamento para rotundas de grande intensidade de tráfego e que não necessitem de mais de duas filas centrais.

Para os muitos condutores que ainda não entenderam como se deve circular numa rotunda, este sistema não deixa dúvidas e é muito mais seguro, evitando engarrafamentos e acidentes nas rotundas, um cenário que se verifica todos os dias em Portugal.

Na Europa pode-se encontrar este tipo de rotundas na Áustria, Alemanha, França, Macedónia, Holanda, Eslovénia, República Checa, e Croácia.

Veja o vídeo e tire as suas conclusões.

 

3 Comentarios

3 Comments

  1. PeterJust

    21/02/2019 at 15:50

    Isto era dispensável se as pessoas conduzissem segundo as regras, principalmente os taxistas, carrinhas transportasdoras, etc (os profissionais portanto), e que os policias fossem mais intervinientes (não é preciso multar, muitas vezes um aviso é mais didático). Próxima invenção, piscas automáticos, 80% dos condutores não sabe usar ou para que servem.

  2. eu

    21/02/2019 at 16:43

    podem fazer as rotudnas novas que quiserem, com turbo, naturalmente aspiradas, o que quiserem, mas o princípio da rotunda, tal como todo o código da estrada, baseia-se no presuposto de que as pessoas cumprem as regras de circulação, o que em Portugal não acontece e nunca vai acontecer porque o português é um condutor ignorante, burro e que não respeita os outros na estrada, e por essa razão isto nunca vai funcionar cá.
    nos outros países funciona porque as pessoas não são tão imbecis como nºos somos na estrada.

  3. Alexandre

    07/03/2019 at 15:51

    Pergunta para os senhores que projectaram esta rotunda, se eu pretender contornar a rotunda e sair no mesmo local onde entrei (tendo em consideração que perante a demonstração, existe uma entrada a esquerda no mesmo local), como o poderei fazer? ou é proibido tal movimento?

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias

Ferrari Roma, a nova pérola do Cavallino

Published

on

O novo Ferrari Roma traz de volta todo o encanto, beleza e elegância italiana e não é por acaso que a casa de Maranello o apelida de “la nuova Dolce Vita”.

Este coupé acabado de lançar pela Ferrari conta com um motor V8 posicionado de forma central dianteira, capaz de debitar 620 cv de potência às 7.500 rpm, unidade que pertence à mesma família de motores que venceu o prémio de Motor do Ano (“Engine of the year”) durante quatro anos consecutivos.

Conta com uma caixa de dupla embraiagem de oito velocidades e é capaz de acelerar dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,4 segundos e dos 0 aos 200 km/h em 9,3 segundos tendo como velocidade máxima os 320km/h.

Inspirado nos modelos de linhas fluídas das décadas de 50 e de 60, o Ferrari Roma apresenta-se como um Gran Turismo repleto de charme como nos mostra o vídeo oficial da marca do Cavallino:

Continuar a ler

Notícias

Mercedes G poderá passar a elétrico

Published

on

O mítico Mercedes Classe G já com mais de 40 anos de historial tem sido apontado como um dos modelos que a marca alemã irá deixar de produzir.

Tratando-se de um dos modelos mais competentes fora de estrada, mas com consumos muito elevados, o Classe G é um modelo complexo de encaixar nas tendências atuais e futuras do mercado.

No entanto Sasha Pallenberg, um dos responsáveis pela parte de transformação digital da Daimler fez um Tweet que deixa esperançosos os fãs desde modelo já que refere que Ola Kallenius, o CEO da Daimler, deseja fazer do Classe G um bem sucedido modelo todo-o-terreno elétrico, mantendo assim os pergaminhos do G, mas enquadrando-o nos novos desígnios da mobilidade, perpetuando assim o legado de uma das mais respeitadas siglas do fora de estrada.

Continuar a ler

Notícias

SEAT aposta nas duas rodas

Published

on

A marca espanhola do grupo Volkswagen, a SEAT, parece apostada em atacar outras formas de mobilidade que não envolvam, obrigatoriamente, o automóvel.



Neste caso, falamos mesmo um concept de uma scooter com propulsão elétrica, que será apresentada no próximo dia 19 de novembro, em Barcelona, no Smart City Expo World Congress.

Segundo CEO da marca de Martorell, Luca de Meo, a SEAT pretende ter uma nova abordagem à mobilidade, “fruto do constante crescimento das grandes cidades, o que torna a mobilidade eficiente num dos maiores desafios dos próximos tempos.”

Em 2021, a SEAT promete também lançar o seu rival do Renault Twizy, a desenvolvido a partir do Minimo Concept. Tal como o Renault, é um bilugar, tendo a capacidade de estacionar nos lugares destinados a motociclos e conseguindo percorrer 100 quilómetros com apenas uma carga de bateria.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Para ler

Newsletter

Em aceleração