Mercedes eActros articulado para 40 toneladas já pode ser encomendado – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Mercedes eActros articulado para 40 toneladas já pode ser encomendado

Published

on

A Mercedes-Benz Trucks iniciou uma nova fase dos testes do camião elétrico a bateria Mercedes-Benz eActros que passou a estar disponível numa configuração de rígido e reboque com peso bruto de 40 toneladas. O veículo está a ser testado pelo operador Logistik Schmitt na zona da Floresta Negra, na Alemanha.



A marca adianta que esta combinação já está disponível para encomenda. O conjunto articulado cumpre a legislação de travagem para acoplar reboques com mais de dez toneladas, estando equipado com o obrigatório sistema de travagem contínua que, neste caso, é assegurado pelo travão de reboque para veículos elétricos a bateria.

O Mercedes-Benz eActros ao serviço da Logistik Schmitt está equipado com um sistema de engate do reboque no centro do eixo da Rockinger. O reboque de lonas, com eixo central, foi produzido pela Junge. Com um comprimento interno de 7,28 metros está homologado com um peso bruto de 18 toneladas.
O Mercedes-Benz eActros 300 conta com um pack de baterias com três módulos com uma capacidade útil de 97 kWh e uma autonomia de até 300 quilómetros.

A cadeia motriz elétrica é constituída por um eixo rígido elétrico com dois motores elétricos integrados e uma transmissão de duas velocidades.
Ambos os motores elétricos desenvolvem uma potência em continuo de 330 kW e de 400 kW de pico. Além disso, a energia elétrica pode ser recuperada durante a condução nas desacelerações e travagens. A energia cinética é utilizada para carregar as baterias.

O Mercedes-Benz eActros 300 pode ser carregado externamente num posto com potência de até 160 kW, demorando cerca de uma hora a recuperar entre 20% a 80% da bateria.
A Daimler Truck também está a planear fazer um ensaio comparativo na região com um Mercedes-Benz eActros a bateria que está a ser operado pela Logistik Schmitt e um camião elétrico alimentado por catenária de outro fabricante, no âmbito do projeto-piloto “eWayBW”.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Carroserie Caselani reedita Citroën 2 CV Van a partir de um Berlingo

Published

on

Os italianos da Carrosserie Caselani decidiram transformar um Citroën Berlingo moderno numa versão do Século XXI da furgoneta Citroën 2 CV. As primeiras imagens já foram divulgadas nas redes sociais e o resultado é interessantemente “retro”.



Novos modelos inspirados em ícones do passado parece ser uma tendência da indústria automóvel. Alguns tornaram-se em verdadeiros fenómenos de popularidade como o Mini ou o Fiat 500, enquanto outros, como o Volkswagen Beetle, não obtiveram o sucesso esperado.

Mesmo assim há quem aposte no revivalismo como a Renault que já anunciou o lançamento do Renault 5 EV ou os italianos da Carrosserie Caselani que têm o projeto de transformar o Citroën Berlingo numa versão revista, atualizada e modernizada do Citroën 2 CV Fourgonette.

Os furgões clássicos da Citroën possuem uma forte componente estética que os tornam muito apelativos na atualidade. A sua imagem retro é muito apreciada e existem mesmo algumas unidades do Citroën Type H que foram transformadas em veículos “food-truck”.

Naturalmente que um veículo com mais de 50 anos não pode oferecer as mesmas comodidades, segurança e fiabilidade do que um modelo atual, por mais espartano e básico que seja.
Imagem retro

Os italianos da Carrosserie Caselani, que têm de 20 anos de experiência na transformação sob licença de comerciais da Citroën, decidiram desenvolver uma solução intermédia, que consiste na conversão de um moderno Berlingo num 2CV do Século XXI com imagem retro.

As primeiras imagens publicadas na conta do Instagram da Carrosserie Caselani indicam os resultados do trabalho efetuado pelo transformador italiano. A secção frontal foi totalmente redesenhada, apresentando grupos óticos redondos, painéis dianteiros mais arredondados, uma grelha com várias lâminas e o logotipo com o double-chevron ao centro,

O design dos pára-choques e do capot também foi revisto, enquanto as paredes laterais traseiras receberam umas nervuras horizontais, à imagem e semelhança do 2V Furgonette original.

Continuar a ler

Comerciais

Daimler Truck testa camião com fuel cell a hidrogénio liquido

Published

on

Desde o ano passado, o camião protótipo com célula de combustível Mercedes-Benz GenH2 Truck, tem sido testado de uma forma intensiva, tanto na pista de testes do grupo, como em estradas públicas. A Daimler Truck testa agora um novo protótipo movido a hidrogénio liquido.



No estado liquido, é possível transportar uma maior quantidade de hidrogénio comparativamente ao estado gasoso, permitindo uma maior autonomia e um desempenho comparável ao de um camião convencional a gasóleo.


O objetivo no desenvolvimento do GenH2 Truck é uma autonomia de até 1.000 quilómetros, adequada para aplicações flexíveis e exigentes, especialmente no importante segmento de transporte de longo curso de mercadorias pesadas.

O início da produção em série para camiões movidos a hidrogénio está prevista para a segunda metade da década.

Continuar a ler
Publicidade

Newsletter

Em aceleração