Mercedes eActros articulado para 40 toneladas já pode ser encomendado – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Mercedes eActros articulado para 40 toneladas já pode ser encomendado

Published

on

A Mercedes-Benz Trucks iniciou uma nova fase dos testes do camião elétrico a bateria Mercedes-Benz eActros que passou a estar disponível numa configuração de rígido e reboque com peso bruto de 40 toneladas. O veículo está a ser testado pelo operador Logistik Schmitt na zona da Floresta Negra, na Alemanha.



A marca adianta que esta combinação já está disponível para encomenda. O conjunto articulado cumpre a legislação de travagem para acoplar reboques com mais de dez toneladas, estando equipado com o obrigatório sistema de travagem contínua que, neste caso, é assegurado pelo travão de reboque para veículos elétricos a bateria.

O Mercedes-Benz eActros ao serviço da Logistik Schmitt está equipado com um sistema de engate do reboque no centro do eixo da Rockinger. O reboque de lonas, com eixo central, foi produzido pela Junge. Com um comprimento interno de 7,28 metros está homologado com um peso bruto de 18 toneladas.
O Mercedes-Benz eActros 300 conta com um pack de baterias com três módulos com uma capacidade útil de 97 kWh e uma autonomia de até 300 quilómetros.

A cadeia motriz elétrica é constituída por um eixo rígido elétrico com dois motores elétricos integrados e uma transmissão de duas velocidades.
Ambos os motores elétricos desenvolvem uma potência em continuo de 330 kW e de 400 kW de pico. Além disso, a energia elétrica pode ser recuperada durante a condução nas desacelerações e travagens. A energia cinética é utilizada para carregar as baterias.

O Mercedes-Benz eActros 300 pode ser carregado externamente num posto com potência de até 160 kW, demorando cerca de uma hora a recuperar entre 20% a 80% da bateria.
A Daimler Truck também está a planear fazer um ensaio comparativo na região com um Mercedes-Benz eActros a bateria que está a ser operado pela Logistik Schmitt e um camião elétrico alimentado por catenária de outro fabricante, no âmbito do projeto-piloto “eWayBW”.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Mercedes-Benz Vans inicia comercialização da nova eSprinter em Portugal

Published

on

O novo Mercedes-Benz eSprinter já pode ser encomendado. O valor para os clientes é evidente, na sua versatilidade e flexibilidade: duas variantes e dois comprimentos de carroçaria, três tamanhos da bateria e uma elevada capacidade de carga útil, fazem do novo eSprinter o veículo ideal para uma vasta gama de utilizações profissionais.



Desta forma, o novo eSprinter está disponível em duas variantes e dois comprimentos de carroçaria, bem como com um motor elétrico eficiente, com 2 níveis de potência de pico possíveis: 100 kW (136 CV) e 150 kW (204 CV). O novo motor síncrono, de íman permanente e de gestão térmica otimizada, é caracterizado por uma eficiência particularmente alta.
Os clientes podem optar entre três capacidades de bateria diferentes, dependendo das suas necessidades em termos de autonomia e de carga útil: 113 kWh, 81 kWh ou 56 kWh de capacidade útil (a variante de 81 kWh será disponibilizada posteriormente, ainda neste ano). A autonomia elétrica combinada é de até 443 quilómetros1,2, podendo chegar até 537 km de autonomia em cidade.

Além da versão Furgão, o novo eSprinter estará disponível, pela primeira vez, na versão Chassis Cabina Simples, tornando-o muito atraente para novos setores de atividades, bem como para fabricantes de superestruturas e de equipamentos.
O novo modelo está equipado com o mais recente sistema multimédia MBUX, assim como com vários sofisticados sistemas de segurança e de assistência, num conjunto de equipamentos de série atualizados. Em opção, também pela primeira vez, o eSprinter está disponível com acoplamento de reboque.
Os novos Sprinter e eSprinter já podem ser encomendados, com chegada das primeiras unidades a Portugal prevista para abril de 2024. Aqui ficam os preços indicativos sem IVA.

  • Sprinter Furgão BASE a partir de 37 967 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Chassis Cabina Simples BASE a partir de 31 877 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Chassis Cabina Dupla BASE a partir de 34 996 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA)
  • Sprinter Tourer BASE a partir de 74 445 € (preço indicativo em Portugal, IVA incluído)
  • eSprinter Furgão BASE a partir de 57 107 € (preço indicativo em Portugal, sem IVA

Continuar a ler

Comerciais

Ford Transit MS-RT promete trabalhar com estilo

Published

on

Ao mesmo tempo que revelou a sua nova Ranger MS-RT, a Ford apresentou, também, uma versão radical da icónica Transit.



Desenvolvida com base na Transit Custom, a nova versão MS-RT destaca-se pelo seu estilo exterior inspirado na competição, uma especificação interior exclusiva e uma vasta gama de motores disponíveis, incluindo Diesel, híbrido plug-in e 100% elétrico.
Por fora, a Transit Custom MS-RT apresenta um para-choques dianteiro totalmente novo e com spoiler integrado, saias laterais desportivas e uma traseira mais “racing” igualmente nova, incluindo um para-choques com difusor integrado. O spoiler traseiro de inspiração no mundo das corridas foi otimizado através de simulações em computador para permitir um fluxo de ar ideal. A versão elétrica a bateria possui uma faixa de luz LED adicional a toda a largura entre os faróis traseiros.

As jantes de liga leve são de 19 polegadas e contam com acabamento antracite. Contribuem para o aumento da largura das vias, bem como para a redução do peso não amortecido em cerca de 1 kg por cada “canto”. Os pneus Goodyear Eagle Sport 235/45, bem como uma plataforma totalmente nova – com suspensão traseira independente – melhoram ainda mais o conforto e o comportamento dinâmico da mais recente geração da Transit Custom.
A versão E-Transit Custom MS-RT, elétrica a bateria, apresenta a potência mais elevada de qualquer Transit Custom até à data, com um motor elétrico de 210 kW (285 CV) a propulsionar as rodas traseiras. Os modos de condução selecionáveis também permitem regular a potência para 160 kW no modo Normal (82 CV) e para 100 kW (136 CV) no modo Eco.
O motor Diesel EcoBlue de 2,0 litros está disponível com 170 CV – associado a uma caixa automática de oito velocidades e com tração integral inteligente opcional – bem como numa versão com transmissão manual de seis velocidades com 150 CV e tração dianteira. A variante híbrida plug-in de 239 CV inclui um motor a gasolina de 2,5 litros e uma bateria de 11,8 kWh.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por insyspower
    Bom dia, Tenho este problema já há vários meses, existe água no chão do lado do condutor quando chove muito, nas seguintes fotos é possível...
  • por Claudio94
    Bom dia pessoal. depois do problema que tive com o imobilizador que ja esta resolvido, ao meter o codigo de anti roubo no radio e gravar sei que nao...
  • por Icterio
    Bien Hoa, Vietname, 1965 (Episódio 1) Para qualquer entusiasta da aviação, a guerra no Vietname imediatamente invoca imagens dos versáteis...
  • por sam78
    Boas a todos. A luz do "service" está a ligar de veZ em quando no meu Renault clio. Que devo fazer? O que significa e que devo fazer? É algo...

Em aceleração