Novo BMW Série 4 divide opiniões – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

Novo BMW Série 4 divide opiniões

Published

on

Devido às limitações que a precaução impõe nestes tempos de pandemia do vírus Covid-19, a BMW apresentou online o seu novo Série 4 e confirmou que o Concept 4 apresentado no Salão de Frankfurt do ano passado foi efetivamente a forte inspiração para as linhas deste coupé.



Obviamente que o primeiro elemento que salta à vista é a grelha frontal, o “eterno” duplo rim da BMW que neste Série 4 além de ter um formato diferente do habitual tem também umas dimensões enormes, o que tem dividido a opinião dos aficionados da marca e não só. Este novo desenho marca uma rotura com a linha a que a BMW nos habituou e as dúvidas em relação a esta grelha não são apenas fruto de uma certa resistência à mudança, são mesmo estéticas pois o seu formato não agrada a todos.

Já visto de perfil e olhando para a traseira, este BMW Série 4 é bem mais consensual, com uma silhueta típica de um coupé que termina em harmonia com a secção traseira bem conseguida.

No fundo a BMW acaba por afastar o Série 4 da imagem do Série 3 muito à conta da opção estética em torno da grelha frontal, o que se entende, mas veremos qual o veredicto do mercado.

Partilhando a mesma plataforma da BMW denominada CLAR e que é utilizada pelo Série 3, este coupé está mais comprido, largo e alto que a anterior geração do Série 4 e tem cerca de mais 41mm de distância entre eixos. Tem um centro de gravidade mais baixo, umas vias mais largas e mantém a tradicional distribuição de peso dos modelos da marca bávara de 50/50 entre os dois eixos.

Em termos de motores a BMW aposta nas unidades a gasolina com o M440i xDrive de tração integral a ser, para já, o mais potente com o seu motor de seis cilindros a debitar 347 cv de potência. Estarão ainda disponíveis o 430i com 258 cv e o 420i com 190 cv de potência, ambos a gasolina. Neste arranque do Série 4 no mercado a BMW aposta ainda no 420d a gasóleo com 190 cv e no próximo ano as opções Diesel deverão ser alargadas com a chegada do 430d com 286 cv. O sistema Mild Hybrid que incorpora um motor de arranque gerador com 48 volts capaz de adicionar uma potencia extra de 11 cv estará presente no M440i xDrive e nas versões Diesel.

No interior a lotação é de quatro lugares e este Série 4 adota algumas das tecnologias do Série 5 como o Head Up Display, o painel de instrumentos digital 3D ou o sistema de navegação. Além disso inclui o sistema de informação e entretenimento Live Cockpit Plus.

Este novo Série 4 chegará ao nosso país no próximo mês de Outubro e os preços começam nos 49.500€ para o 420i. Segue-se o 420d por 52.800€, o 430i por 56.600€ e o M440i xDrive por 84.800. Em Março do próximo ano a gama deverá receber o 430d xDrive e o M440d xDrive

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Notícias

Novo Lamborghini Urus bate recorde em Pikes Peak

Published

on

A Lamborghini levou o seu novo Urus, ainda camuflado à mítica subida de Pikes Peak e saiu de lá com um recorde no bolso. Com o piloto Simone Faggioli aos comandos este novo Urus fez o tempo de 10m32,064s, o que o torna no SUV de produção mais rápido a fazer a subida.



Com esta marca o Urus bate o anterior recorde que era detido pelo Bentley Bentayga e augura um bom futuro para esta nova geração do Urus que deverá ser apresentada ainda este mês.

Continuar a ler

Notícias

Kimera EVO37, o tributo ao Lancia 037

Published

on

O primeiro Kimera EVO37 vendido para os Estados Unidos vai marcar presença no evento Monterey Car Week que arranca hoje e se estende até ao dia 21 naquela cidade norte-americana.



O Kimera EV037 é uma reinterpretação do mítico Lancia 037, que fez as delícias de muitos no mundo dos ralis e que a marca italiana Kimera Automobili trouxe de novo à vida.

Com um estilo próprio mais requintado e elitista o EVO37 é um Restomod que tem uma carroçaria toda em fibra de carbono em que todos os detalhes diferenciadores do Lancia 037 marcam presença. E que presença!

Está equipado com um motor de 2.1 litros de cilindrada turbocomprimido capaz de debitar 520 cv de potência e 550 Nm de binário, suspensões Ohlins e um sistema de travagem Brembo.

Continuar a ler
Publicidade

Newsletter

Em aceleração