Uma Drag Race ao estilo da Red Bull – Motorguia
Ligue-se connosco

Motos

Uma Drag Race ao estilo da Red Bull

Published

on

A Red Bull juntou algumas das “suas máquinas” mais rápidas e organizou uma corrida para ver qual é a melhor numa Drag Race onde não falta potência.



Numa pista de aviação alinharam o Ford Puma Hybrid Rally do WRC, a Ford SuperVan 4.2 que correu em Pikes Peak, a KTM RC16 de MotoGP, o Peugeot 208 RX1 de Rallycross e o Red Bull Racing RB8 de Fórmula 1.

Um elenco de luxo numa corrida única ganha pela melhor relação peso/potência. Veja aqui o vídeo para descobrir quem foi:

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Motos

Bagnaia é bicampeão de MotoGP

Published

on

Francesco Bagnaia sagrou-se mais uma vez Campeão do Mundo de MotoGP e fê-lo vencendo a última corrida da temporada no circuito de Valência.



Apesar de no sábado o seu principal rival na corrida pelo título, Jorge Martín, ter vencido a Sprint Race e reduzido a distância para o italiano para 14 pontos, na corrida principal de domingo o espanhol não evitou a vitória de Bagnaia.

Apesar de Martín ter arrancado bem e ter ficado logo atrás de Bagnaia, um erro numa travagem fez com que caísse para oitavo lugar. Depois, num esforço para recuperar posições acabaria por embater na traseira de Marc Marquez que seguia em quarto e ambos os pilotos ficaram fora de prova. Nesse preciso momento Bagnaia arrecadou o título.

O italiano fez a festa completa ao cortar a meta em primeiro com a sua Ducati e foi seguido por Johan Zarco também em Ducati e por Brad Binder que fechou o pódio com a KTM.

Terminou assim uma época em que o português Miguel Oliveira não foi feliz por várias razões com a sua Aprilia, tendo terminado em 16º lugar na classificação com 76 pontos, esperando que o próximo ano lhe traga novas armas para ele poder disputar lugares mais cimeiros na classificação.

Continuar a ler

Motos

Queda no Qatar põe fim à temporada de Miguel Oliveira

Published

on

Uma queda logo na primeira volta da Sprint Race do grande Prémio do Qatar ditou o final prematuro desta temporada para o piloto português que em consequência da queda fraturou a escapula direita e ficou de fora da corrida de domingo e também da derradeira jornada de MotoGP em Valência, o que representa o fim desta época para Miguel Oliveira.



Mais uma vez a sorte não esteve do lado do português que teve uma segunda metade da temporada bem complicada. Qualificando-se em 17º lugar, Miguel fez um brilhante arranque com a sua Aprilia na Sprint Race conseguindo subir logo vários lugares e posicionar-se bem para lutar por um lugar entre os dez primeiros. No entanto, uma queda que também envolveu Aleix Espargaró e Enea Bastianini, ditou o abandono do piloto almadense e veio depois a saber-se da sua lesão no ombro que põe um ponto final na sua temporada.

A Sprint Race foi ganha por Jorge Martín na sua Ducati, o que acendeu um pouco mais a luta pela liderança no campeonato com Francesco Bagnaia, mas a corrida de domingo voltou a dar ao italiano mais alguns pontos de vantagem face ao espanhol. Bagnaia terminaria em segundo ao passo que Martín não foi além do 10º lugar numa corrida ganha por Fabio di Giannantonio com Luca Marini a fechar um pódio composto só por Ducatis.

O campeonato ainda está matematicamente em aberto com Bagnaia a liderar com 21 pontos de vantagem para Jorge Martín, ficando tudo para ser decidido na última prova em Valência que terá lugar já no próximo fim de semana.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

Em aceleração