Ford Trucks alcança liderança no mercado nacional de pesados de mercadorias – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Ford Trucks alcança liderança no mercado nacional de pesados de mercadorias

Published

on

A Ford Trucks alcançou o primeiro lugar do ranking nacional de veículos pesados de mercadorias em julho, ao ter matriculado 82 dos 355 veículos pesados registados no mês passado em Portugal.



A marca atinge assim uma quota de mercado de 23,1% no mês em que se verificou um crescimento de 49,2% no mercado nacional comparativamente com o período homólogo do ano anterior.

Em apenas 3 anos de presença no mercado nacional, este é considerado um “feito extraordinário, fruto do esforço de toda a equipa, que a todos nos orgulha, mas também da confiança depositada em nós, pelos nossos clientes”, refere Bruno Oliveira CEO da Ford Trucks em Portugal. O responsável acrescenta que “continuamos a contrariar as expectativas do mercado, com um crescimento que queremos sustentável. Acreditamos que temos uma estratégia forte, qualidade na nossa oferta e uma equipa extremamente motivada para estabelecer relações fortes com os nossos clientes e que isso nos permitirá manter uma operação bem sucedida.”

Apesar deste ser considerado um marco importante na história da marca, um dos objetivos imediatos é atingir as 1000 viaturas vendidas no mercado nacional. “Estamos neste momento nas 707 viaturas, mas cremos que, muito em breve, poderemos celebrar as 1000 e festejar com toda a equipa, clientes e parceiros”, perspetiva Bruno Oliveira.

No âmbito da sua estratégia nacional, a Ford Trucks continua a apostar na sua rede de assistência pós-venda com 6 oficinais de Norte a Sul do País e perspetiva-se uma nova abertura em Braga, complementando assim a sua rede.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Carroserie Caselani reedita Citroën 2 CV Van a partir de um Berlingo

Published

on

Os italianos da Carrosserie Caselani decidiram transformar um Citroën Berlingo moderno numa versão do Século XXI da furgoneta Citroën 2 CV. As primeiras imagens já foram divulgadas nas redes sociais e o resultado é interessantemente “retro”.



Novos modelos inspirados em ícones do passado parece ser uma tendência da indústria automóvel. Alguns tornaram-se em verdadeiros fenómenos de popularidade como o Mini ou o Fiat 500, enquanto outros, como o Volkswagen Beetle, não obtiveram o sucesso esperado.

Mesmo assim há quem aposte no revivalismo como a Renault que já anunciou o lançamento do Renault 5 EV ou os italianos da Carrosserie Caselani que têm o projeto de transformar o Citroën Berlingo numa versão revista, atualizada e modernizada do Citroën 2 CV Fourgonette.

Os furgões clássicos da Citroën possuem uma forte componente estética que os tornam muito apelativos na atualidade. A sua imagem retro é muito apreciada e existem mesmo algumas unidades do Citroën Type H que foram transformadas em veículos “food-truck”.

Naturalmente que um veículo com mais de 50 anos não pode oferecer as mesmas comodidades, segurança e fiabilidade do que um modelo atual, por mais espartano e básico que seja.
Imagem retro

Os italianos da Carrosserie Caselani, que têm de 20 anos de experiência na transformação sob licença de comerciais da Citroën, decidiram desenvolver uma solução intermédia, que consiste na conversão de um moderno Berlingo num 2CV do Século XXI com imagem retro.

As primeiras imagens publicadas na conta do Instagram da Carrosserie Caselani indicam os resultados do trabalho efetuado pelo transformador italiano. A secção frontal foi totalmente redesenhada, apresentando grupos óticos redondos, painéis dianteiros mais arredondados, uma grelha com várias lâminas e o logotipo com o double-chevron ao centro,

O design dos pára-choques e do capot também foi revisto, enquanto as paredes laterais traseiras receberam umas nervuras horizontais, à imagem e semelhança do 2V Furgonette original.

Continuar a ler

Comerciais

Daimler Truck testa camião com fuel cell a hidrogénio liquido

Published

on

Desde o ano passado, o camião protótipo com célula de combustível Mercedes-Benz GenH2 Truck, tem sido testado de uma forma intensiva, tanto na pista de testes do grupo, como em estradas públicas. A Daimler Truck testa agora um novo protótipo movido a hidrogénio liquido.



No estado liquido, é possível transportar uma maior quantidade de hidrogénio comparativamente ao estado gasoso, permitindo uma maior autonomia e um desempenho comparável ao de um camião convencional a gasóleo.


O objetivo no desenvolvimento do GenH2 Truck é uma autonomia de até 1.000 quilómetros, adequada para aplicações flexíveis e exigentes, especialmente no importante segmento de transporte de longo curso de mercadorias pesadas.

O início da produção em série para camiões movidos a hidrogénio está prevista para a segunda metade da década.

Continuar a ler
Publicidade

Newsletter

Em aceleração