Grupo Erwin Hymer e Ford anunciam acordo de aposta em autocaravanas – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Grupo Erwin Hymer e Ford anunciam acordo de aposta em autocaravanas

Published

on

A Ford-Werke GmbH, com sede em Colónia, e o Grupo Erwin Hymer (GEH), com sede em Bad Waldsee, anunciaram hoje a assinatura de um acordo-quadro para o fornecimento de unidades Ford Transit e Ford Transit Custom como base para o desenvolvimento de veículos de lazer e autocaravanas, prontos a entregar ao cliente.



Em complemento, a Ford e o GEH acordaram uma parceria estratégica que formaliza uma visão partilhada sobre as necessidades futuras dos clientes de veículos de lazer, o ambiente regulamentar, a legislação sobre emissões, eletrificação, digitalização e conectividade, bem como a integração de sistemas de assistência ao condutor. Sendo o mais importante construtor europeu de veículos comerciais ligeiros, a Ford também irá cooperar com o GEH no decurso do desenvolvimento das suas marcas de veículos de lazer.

O GEH integra também a Thor Industries – o maior fabricante de veículos de lazer do mundo – e encara a produção da família Ford Transit na América do Norte e na China como uma vantagem adicional. De autocaravanas urbanas a autocaravanas de grandes dimensões.

O novo acordo de fornecimento inclui furgões e chassis-cabina Ford Transit, bem como furgões kombi Ford Transit Custom, para conversão em todo o tipo autocaravanas (integradas, semi- integradas e adaptadas). A Ford produzirá os veículos base na sua fábrica em Kocaeli, na Turquia, procedendo-se às entregas faseadas entre 2022 e 2024. A Ford está a investir na expansão da capacidade de produção de Kocaeli e está, também, a reforçar a sua estrutura organizacional em várias divisões empresariais europeias e alemãs.

O tradicional comprador de autocaravanas está a mudar, criando novos desafios e oportunidades de crescimento para os construtores. Embora 45% do total de novas autocaravanas matriculadas na Alemanha em 2020 tenham sido adquiridas por clientes com idades entre os 55 e 64 anos, as autocaravanas estão também a atrair cada vez mais compradores mais jovens, levando a novos designs, com conceções e configurações mais modernas, soluções de mobiliário mais inteligentes, maior número de acessórios e um estilo exterior inovador, incluindo pintura a duas cores. Este grupo de clientes mais jovens integra indivíduos solteiros e famílias, sendo que todos ambicionam estilos de vida mais flexíveis, podendo uma autocaravana tanto servir de escritório móvel como de habitação permanente, no âmbito da atual tendência denominada ‘van life

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

MAXUS mostra no IAA um camião e uma pick-up elétricos

Published

on

A SAIC MAXUS, marca representada em Portugal pelo grupo Astara, estreou-se no IAA Transportation Show de 2022, que decorreu em Hanover, Alemanha.


Em foco esteve a sua mais recente gama de veículos elétricos, destinada ao trabalho e ao lazer.
Assim, a MAXUS apresentou cinco dos seus veículos elétricos no IAA Transportation Show 2022. Além dos populares comerciais ligeiros eDELIVER 3 e eDELIVER 9 (de maiores dimensões), deu ainda a conhecer o MAXUS MIFA 9 (MPV), o T90 EV (pick-up elétrica) e o mais recente projeto da SAIC, o MAXUS Electric Light Truck.

A marca apresentou também a sua nova pick-up elétrica, com uma bateria de 88,5 kWh e uma autonomia de 330 km (WLTP combinada). Adequada para condução tanto em estrada como fora dela, a MAXUS T90EV tem um elevado nível de equipamento e um habitáculo contemporâneo e elegante, que inclui um painel de instrumentos digital com um ecrã tátil de 10,25 polegadas e visual minimalista. O interior é amplo, graças ao design simples do painel de instrumentos e da consola central, que liberta mais espaço para passageiros e carga. O exterior destaca-se pela sua aparência desportiva.

Igualmente em estreia europeia, o novo Electric Light Truck da MAXUS apresenta uma autonomia de até 213 km (com carregamento completo) e possui uma cabina individual de três lugares. O peso bruto é de 7490 Kg.
Com uma bateria de lítio de 127,74 kWh da CATL, atinge uma velocidade máxima de 90 km/h, uma potência máxima de 110 kW e um binário máximo de 1200 Nm. Este novo modelo da MAXUS terá uma potência máxima de carregamento de 102 kW para um carregamento com CC (em 1,5 horas) e de 22 kW para um carregamento com CA (em 11 horas).


Continuar a ler

Comerciais

Volvo Trucks apresenta um novo eixo totalmente elétrico

Published

on



A Volvo Trucks apresentou um eixo traseiro totalmente novo e totalmente elétrico na IAA em Hannover, Alemanha. A Volvo Trucks possui a maior oferta de camiões elétricos a bateria do setor, com seis modelos diferentes em produção em série.

Dependendo do modelo, o alcance é de até 440 km numa carga. O novo eixo, apresentado na feira IAA em Hannover, Alemanha, permite colocar ainda mais baterias no camião ao integrar os motores elétricos e a transmissão no eixo traseiro.
Mais baterias significa maior alcance, o que cria oportunidades para que os transportes de longa distância também sejam eletrificados. Nos camiões elétricos a célula de combustível, que serão lançados na segunda metade desta década, o espaço adicional é útil para a instalação de outros componentes. “Este é um avanço para os camiões elétricos e um sinal claro de que haverá uma enorme procura por carregadores rápidos públicos para camiões pesados num futuro próximo, principalmente ao longo das várias vias”, diz Jessica Sandström, SvP Global Product Management da Volvo Trucks.

A Volvo Trucks iniciará a produção em série de camiões de cabina avançada com o novo eixo eletrónico dentro de alguns anos, complementando a linha atual de camiões elétricos a bateria. “Continuaremos com os nossos versáteis camiões elétricos a bateria que já estão em produção. Atualmente, a nossa oferta cobre uma ampla gama de segmentos de transporte. Dentro de alguns anos, adicionaremos este novo eixo traseiro para clientes que utilizam rotas mais longas do que hoje”, continua Jessica Sandström.

A Volvo Trucks tem uma estratégia de três possíveis caminhos para atingir as zero emissões; elétricos a bateria, elétricos a células de combustível e motores de combustão que funcionam com combustíveis renováveis como biogás, HVO ou até hidrogénio verde. “Diferentes soluções técnicas são necessárias para enfrentar as mudanças climáticas uma vez que a disponibilidade de infraestrutura de energia e combustível difere entre países e regiões e também entre diferentes segmentos de transporte”, conclui Jessica Sandström.

Continuar a ler
Publicidade

Newsletter

Em aceleração