Peugeot Boxer elétrico já tem preços e encomendas abertas – Motorguia
Ligue-se connosco

Sem categoria

Peugeot Boxer elétrico já tem preços e encomendas abertas

Published

on

Com a chegada das primeiras unidades do e-Boxer ao mercado nacional prevista para Fevereiro, a totalidade da gama de Veículos Comerciais Ligeiros (VCL) da Peugeot passa a ter versões eléctricas.



O Peugeot Boxer está a aumentar a sua quota de mercado todos os anos no segmento dos grandes furgões que representa mais de 550.000 veículos por ano na Europa. Com base no seu sucesso comercial ao longo das gerações, com mais de 1.250.000 veículos produzidos e vendidos em 110 países desde o seu lançamento em 1994, o Peugeot Boxer passa agora a integrar a transição eléctrica.

O novo Peugeot e-Boxer eléctrico disponibiliza:
– Dois níveis de autonomia com um máximo de 224 km no ciclo WLTP,
– Duas capacidades de bateria com 37 kWh e 70 kWh,
– Três comprimentos e duas alturas,
– Uma capacidade de carga útil de referência,
– Um volume de carga idêntico ao da versão térmica, até um máximo de 13 m3.

Disponível na versão de equipamento Premium, a gama nacional é composta por 3 furgões (L1H1, L2H2 e L3H2) com preços compreendidos entre os 71.340 euros e os 81.660 euros. Não fazendo cedências em matéria de prestações úteis, de modularidade ou de transformações específicas para os clientes profissionais, o novo Peugeot e-Boxer é também proposto em versões chassis (simples e dupla), com preços de 77.416 euros e de 79.015 euros.

O novo e-Boxer tem uma dupla oferta em termos de autonomia, que depende da carroçaria. As carroçarias furgão L1 e L2 têm uma bateria de iões de lítio de 37 kWh, que lhes permite ter uma autonomia de 117 km em circuito misto. As versões furgão L3, bem como as versões chassis cabine (simples e dupla), estão equipadas com uma bateria de 70 kWh que lhes permite ter uma autonomia de 224 km em circuito misto. Ambas as autonomias estão de acordo com o protocolo de homologação WLTP.

Com um único nível de equipamento Premium, a Peugeot simplifica a gama do novo e-Boxer, dotando-o de série com os seguintes equipamentos principais: Sistema de áudio Bluetooth com ecrã de 5’’ e comandos no volante; Ajuda ao estacionamento traseiro; Ar condicionado manual; Faróis e limpa para-brisas automáticos; Retrovisores elétricos e aquecidos.

O novo e-Boxer é produzido nas instalações de Sevel, em Val di Sangro (Itália), lado a lado com as versões térmicas Peugeot Boxer, estando, depois, o processo de electrificação e homologação a cargo da parceira BEDEO.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Sem categoria

Transwhite homenageia as mulheres do transporte com dois camiões especiais

Published

on

A empresa portuguesa Transwhite fez uma homenagem às 70 mulheres que todos os dias andam ao volante de um camião. Para isso, adicionou à sua frota, duas viaturas Volvo FH 4×2, uma em azul claro e outra em cor-de-rosa.



Recentemente, a Transwhite decidiu prestar este tributo às mulheres que trabalham no setor dos transportes e que progressivamente têm vindo a conquistar posições que antes eram inimagináveis. A frota da Transwhite tem agora mais duas viaturas Volvo FH 4×2 Trator muito especiais, uma azul claro e outra cor de rosa, ambas conduzidas por mulheres.
A Transwhite iniciou a sua atividade em 2004 com apenas uma viatura, e hoje, devido ao espírito empreendedor do seu fundador e à dedicação da sua equipa, a Transwhite tem cerca de 460 colaboradores, dos quais quase 25% são mulheres.
Com uma frota de mais de 200 viaturas, podemos encontrar mais de 70 mulheres ao volante dos seus camiões, fazendo por isso todo o sentido uma homenagem a estas profissionais.

Continuar a ler

Sem categoria

Volkswagen Caminhões e Ônibus mostra concept Meteor Optimus

Published

on

A Vokswagen Caminhões e Ônibus do Brasil apresentou o novo concept de um camião futurista, para os padrões sul americanos, que dá pelo nome de Meteor Optimum.



Este veículo foi desenvolvido com tecnologias inéditas, conforto extra para o motorista, foco na aerodinâmica e visual exclusivo.
Uma das principais mudanças nesse camião é o tipo de combustível. Consome HVO, óleo vegetal hidrotratado, também conhecido como Diesel verde, produzido a partir de fontes renováveis.
Este combustível ainda não existe em larga escala no Brasil, mas é uma excelente alternativa para a matriz energética daquele país. De acordo com a Volkswagen, a utilização de HVO garante uma redução de até 90% nas emissões de CO2, quando comparado com o gasóleo tradicional do mercado.

Com visual exclusivo, este camião traz jantes diferenciadas, que melhoram a refrigeração dos travões, além de saias laterais e defletores, e também recebe uma pintura especial em cinzento com faixas laranjas.
O veículo também perdeu os retrovisores tradicionais, recebendo hastes com câmaras, com as imagens projetadas em ecrãs instaladas dentro da cabina.
Para ampliar o campo de visão, o camião recebeu um sistema de quatro câmaras e três monitores, com alcance de mais de dois quilómetros. Isto elimina ângulo mortos e permite melhor visibilidade noturna uma vez que conta com sensores infravermelhos.
No interior, o motorista tem à disposição mais conforto, como massagens no banco do motorista, cama, frigorífico e ae condicionado.
No Optimus, o revestimento interno é mais ecológico, feito com grafeno, para diminuir a pegada de carbono, e traz ainda tratamento antiviral e bactericida.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por Westvic
    Boa noite pessoal, estou à procura de um novo carro. Vou meter aqui dados para que me possam ajudar neste processo. Tipo de carro - Sendo eu um...
  • por pepas94
    Boa tarde Malta das 4 rodas... No mês passado como é do conhecimento de alguns comprei um bmw 320i E93. Pois bem...comprei este carro com...
  • por Bunker1978
    Olá amigos. Sabem como funcionam as empresas subcontratadas de transporte expresso? Em termos de rentabilidade e requisitos conseguem informar?...
  • por rcs
    Boas, surgiu uma oportunidade para um meu familiar ficar com um Golf 1.2 TSI de 2016, por um preço simpático. O carro tem perto de 60 mil Km....

Em aceleração