Hyvia mostra primeiro protótipo de um furgão a hidrogénio – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

Hyvia mostra primeiro protótipo de um furgão a hidrogénio

Published

on

A Hyvia, um espécia de consórcio que luta pelo desenvolvimento e implementação do hidrogénio, revelou o seu primeiro protótipo alimentado a este tipo de combustível que está praticamente pronto a comercializar.



O furgão de grandes dimensões Renault Master Van H2-TECH permite o transporte com zero emissões, uma autonomia melhorada e um abastecimento rápido. Irá cumprir as necessidades de vários tipos de negócios, frotas e até municípios. Hoje a mobilidade a hidrogénio é especialmente importnte nos Veículos Comerciais Ligeiros, permitindo maiores autonomias, com cargas mais pesadas e uma utilização mais intensiva.

A Master Van H2-TECH está equipada com uma pilha de combustível de 30kW, uma bateria de 33kWh e tanques com 6kg de hidrogénio (4 tanques de 1,5 kg).

Produzida em França, na fábrica de Batilly, tem a integração do hidrogénio e da electricidade feita pela PVI, uma subsidiária do Grupo Renault em Gretz-Armainvilliers. O motor é produzido na fábrica de Cleon e a montagem deverá começar no dinal deste ano.
Os próximos protótipos serão da Master Chassis Cab H2-TECH, com 19m3 de volume de carga e uma autonomia de cerca de 250 km, e ainda a Master Citybus H2-TECH, um minibus urbano que pode levar até 15 passageiros, com uma autonomia a rondar os 300 km.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Comerciais

Grupo Volvo anuncia nova fábrica de camiões no México

Published

on

O Grupo Volvo anunciou que vai construir uma nova fábrica de camiões no México para complementar a produção nos Estados Unidos.



A fábrica fornecerá capacidade adicional para apoiar os planos de crescimento da Volvo Trucks e da Mack Trucks nos mercados dos EUA e do Canadá, e apoiará as vendas de camiões Mack no México e na América Latina. Prevê-se que a fábrica esteja operacional em 2026.

A nova fábrica, que deverá ter uma dimensão aproximada de 1,7 milhões de pés quadrados, centrar-se-á na produção de veículos convencionais pesados para as marcas Volvo e Mack. Será uma instalação completa de montagem de veículos convencionais, incluindo a produção de carroçarias de cabina e pintura.

A fábrica Mack LVO, na Pensilvânia, e a fábrica Volvo NRV, na Virgínia, continuarão a ser os principais locais de produção de camiões pesados da empresa na América do Norte. O Grupo investiu mais de $73 milhões nos últimos cinco anos na expansão e atualização da LVO, e está atualmente a investir mais $80 milhões para se preparar para a produção futura. A fábrica de NRV está a concluir uma expansão/atualização de seis anos, no valor de $400 milhões, para se preparar para a produção do novo modelo Volvo VNL.

A adição da produção no México proporcionará eficiências logísticas para apoiar as vendas nas regiões sudoeste/oeste dos Estados Unidos, México e América Latina. Também proporciona um ecossistema de fornecimento e produção maduro que complementará o sistema dos EUA e aumentará a resiliência e a flexibilidade da presença industrial do Grupo Volvo na América do Norte.

Continuar a ler

Comerciais

Volkswagen prepara Transporter à imagem da Multivan e do ID.Buzz

Published

on

A Volkswagen Veículos Comerciais anuncia a nova geração da Transporter para o início de 2025, e promete uma opção mais funcional e tecnologicamente evoluída. Estão previstas variantes com dois, três, quatro, cinco ou seis lugares.



A nova variante standard com distância entre eixos normal apresenta um compartimento de carga que é 61 mm mais comprido, enquanto a largura entre as cavas das rodas foi mesmo aumentada em 148 mm, tudo isto face ao modelo anterior. Antecipa-se, também, uma melhoria geral na habitabilidade.
De série, a variante furgão da Transporter vai surgir com dois bancos individuais à frente, podendo receber, opcionalmente, uma bancada de três lugares dianteiros (banco do condutor e banco corrido de dois lugares). Além disso, o modelo pode apresentar-se equipado com até três bancos individuais amovíveis numa 2.ª fila e, mais tarde, como “Kombi” (veículo de passageiros), também com um banco corrido para três passageiros numa 3.ª fila.

O comprimento do compartimento de carga do Transporter “standard” é de 2,602 m, o que representa mais 61 mm. Na variante com maior distância entre eixos, o comprimento disponível chega aos 3,002 mm. Por volume, a capacidade carga passa a variar entre 5,8 m3 e 9 m3, consoante a distância entre eixos, podendo o compartimento ser individualizado em função das necessidades profissionais. Por peso, admite-se um máximo de 1,33 toneladas. Capacidade de reboque: até 2,8 toneladas.


O interior aproxima-se muito daquilo que tem vindo a ser feito nos vários modelos da marca alemã dentro dos veículos comerciais, onde se destaca a digitalização. Alguns elementos foram mantidos, como a posição sobrelevada do banco e a posição alta da alavanca seletora das velocidades, mas à frente do condutor está um painel de instrumentos com um monitor de 12” e configurável (Digital Cockpit) e um sistema multimédia com um écrã tátil de 13” (inclui rádio digital e tecnologia App Connect sem fios com Apple CarPlay e Android Auto).

Outras caraterísticas de série serão o novo volante multifunções com botões fáceis de utilizar, mesmo com luvas, e o travão de estacionamento eletrónico com função Auto-Hold.
No mercado alemão, o novo modelo será lançado no início de 2025, sabendo-se que terá uma gama diversificada de motorizações, incluindo mecânica a gasolina eletrificadas e turbodiesel (110 cv). Os preços locais começam nos 36.780 €. Pré-vendas já em curso.

Continuar a ler
Publicidade

Publicidade

Newsletter

Ultimas do Fórum

  • por Brunobrunocarro
    Boa tarde a todos , espero que se encontrem todos bem . Como voces sao os entendidos nisto e eu nao percebo muito vim expor a minha questao . Peco...
  • por djnata
    1) Orçamento disponível: 12000 2) Novo ou usado: usado até 120.000km 3) Tipo de automóvel pretendido: Familiar e com boa bagageira. 4)...
  • por Zedobone
    Na Koreia já foi introduzia a medida ...
  • por malapeiro
    Boas, Tenho uma carrinha kia ceed 1.6 crdi 115cv de 2008. O indicador da temperatura do motor no quadrante anda maluco. Mostra leituras...

Em aceleração