A importância do vento nos pesados – Motorguia
Ligue-se connosco

Comerciais

A importância do vento nos pesados

Published

on

Túnel de vento camiões

Para além de motores mais vanguardistas, caixas de velocidades mais rápidas e painéis e componentes com menos peso, a aerodinâmica é um dos fatores primordiais para reduzir consumos e tornar os veículos mais eficientes. Como se consegue melhorar a aerodinâmica de um camião? Nós explicamos-lhe.



O consumo de combustível nos camiões tem vindo a baixar drasticamente ao longo dos últimos anos. Num típico conjunto de longo curso, trator e semireboque, foram alcançadas reduções de 15% em consumo de combustível entre 2011 e 2019.
Tomando como exemplo a mais recente geração do Mercedes-Benz Actros, é mais económica que a anterior em cerca de 3% se considerarmos um percurso em auto-estrada. Se analisarmos uma rota interurbana, o decréscimo de consumo ronda os 5%. Mas porquê?

Para além dos vários sistemas de segurança, do motor e do peso, a aerodinâmica tem papel de protagonista neste particular. A sua importância pode ser ilustrada por números: num camião europeu moderno de cabina avançada que faz percursos de longo curso, cerca de um terço da energia mecânica disponível é necessária para ultrapassar a resistência do ar.
No caso do novo Actros, o facto de não ter retrovisores (utiliza as Mirror Cam que substituem os retrovisores), contribui com 1,5% para a eficiência de consumo do veículo. Os defletores laterais da cabina de formato côncavo também. A própria MAN na nova geração TG conta com três linhas na lateral da cabina que são suficientes para reforçar a aerodinâmica, reduzindo consumos. Os fabricantes vão fazendo o que podem para conseguir reduzir cada vez mais os gastos com o combustível.

Cooperação entre designers e produção

A coordenação entre colegas de outros setores do processo de produção, especialmente entre designers e a própria linha de montagem é essencial para o trabalho dos peritos em aerodinâmica. O objetivo durante o desenvolvimento de um camião passa por encontrar a melhor solução em conjunto. Por exemplo, os braços das câmaras (Mirror Cam) dão ao Actros uma aparência purista.

Outro ponto determinante é o túnel de vento, onde se conseguem “brilharetes” a tentar perceber as arestas a limar para se reduzir os consumos. Então, como é que o trabalho da equipa no túnel de vento contribuiu para a aerodinâmica aprimorada do Actros? A partir de alguns testes foi possível determinar a melhor posição para os braços da câmara MirrorCam. As posições de montagem possíveis foram as seções superior e inferior do pilar A e a parte superior do pilar B. Para os testes, utilizaram um verdadeiro Actros, no qual os espelhos externos foram substituídos por protótipos dos braços da câmara – montados um após o outro nas três posições de teste. O camião foi posicionado na ponte de pesagem do túnel de vento e os ventiladores foram acionados. O uso da ponte de pesagem permitiu que os engenheiros medissem a força aerodinâmica sobre o veículo enquanto ela fluía ao seu redor. O resultado: a melhor posição para os braços da câmara foi o pilar A na área mais perto do tejadilho.

Foi ainda desenvolvida uma solução que evitasse que a luz dispersa reduzi-se o desempenho das câmaras. Assim, foi desenvolvida uma pequena pala nas “Mirror Cam” para evitar que a luz interfira com a visibilidade. O túnel de vento permite também aprimorar a cabina de forma a manter afastada do veículo a sujidade e fazer análises de CFD (teste às forças aerodinâmicas) a áreas tão relevantes para a segurança como o para-brisas e as janelas. O túnel de vento onde a Mercedes-Benz realiza os seus testes permite gerar ventos na ordem dos 250 km/h.

O túnel de vento mais antigo da Europa e mais moderno do mundo

O túnel de vento da fábrica da Mercedes-Benz em Untertürkheim, em Estugarda, é dos mais antigos da Europa. Funciona há oito anos. Tem sido modernizado ao longo dos tempos e é, atualmente, um dos mais modernos do mundo. Tem dois motores DC, cada um com uma potência de 2500 kW que mantêm em movimento a ventoinha axial com nove lâminas de 8,5 m de diâmetro. É tão poderosa que consegue gerar rajadas de vento de força 17. Para chegar a estes valores são soprados horizontalmente 9000 m3 de ar através de um canal com 125 m de comprimento. O veículo fica parado na área de teste numa zona com um diâmetro de 12 m, de forma a poder ser exposto ao sopro do vento não só de frente, mas também de lado ou de qualquer outro ângulo desejado.

Integrada na plataforma giratória, onde se posiciona o veículo, existe um dinamómetro de rolos e uma ponte de pesagem de seis componentes. É aqui que se estudam várias forças, incluindo a aerodinâmica. As forças são transmitidas às células de carga através de alavancas e hastes para poderem ser avaliadas.

[smartslider3 slider=24]

Comerciais

Nissan apresenta protótipo elétrico e-NV200 Winter Camper

Published

on

Inspirado no sentimento de emoção que acompanha uma exploração de inverno, a Nissan apresenta a sua visão de aventuras sustentáveis para os dias frios, com o seu inovador protótipo de furgão totalmente elétrico e-NV200 Winter Camper.



Numa altura do ano em que as caminhadas estimulantes e o lazer ao ar fresco oferecem uma escapada plena de paz, a e-NV200 Winter Camper anseia pela conexão com as maravilhas da natureza e a exploração ao ar livre. Desenhada com a emoção e o impacto ambiental em mente, a e-NV200 Winter Camper combina o entusiasmo da condução elétrica com o espírito do mundo selvagem.

Equipado com funcionalidades de estilo de vida e condução personalizadas, o protótipo de caravana aventureira está preparado para enfrentar terrenos difíceis.

O “Kit de Luxo Tecnológico”personalizado da Nissan Winter Camper é o primeiro ponto de partida para um aventureiro com consciência ambiental. Disponível para clientes do furgão e-NV200 de série e do furgão de passageiros e-NV200 Evalia mediante especificação, este conjunto de equipamento inclui um leque abrangente de acessórios, maximizando o conforto e a versatilidade para uma vida autossuficiente no mundo selvagem.

A bateria portátil a bordo com 220V pode ser recarregada com painéis solares instalados no tejadilho, enquanto a cozinha a gás, frigorífico, camas rebatíveis e vidros isolados tornam a vida na estrada mais flexível em qualquer ambiente.

Otimizada de ponta a ponta para condições desafiantes fora de estrada, a e-NV200 Winter Camper recebeu uma série de atualizações para lidar com as superfícies de estrada mais difíceis. Pneus de todo-o-terreno topo de gama e uma maior altura de condução oferecem a tração e a distância ao solo ideais na lama ou na neve, enquanto os dois faróis de 5.400 lúmens instalados numa barra de aço reforçado na dianteira do furgão, oferecem o máximo de visibilidade quando os condutores mais necessitam.

Parte da gama de acessórios originais Nissan disponível, os guarda-lamas dianteiros e traseiros, frisos de proteção da porta, barras laterais e tapetes de borracha completam o arsenal de todo-o-terreno, oferecendo proteção e conveniência qualquer que seja a tarefa que espere a e-NV200 Winter Camper.

Baseada na e-NV200 Evalia, a e-NV200 Winter Camper beneficia da tecnologia inteligente e eficiente do grupo motopropulsor elétrico da Nissan. A unidade de alimentação com provas dadas oferece uma combinação de potência e autonomia, fornecendo binário e aceleração instantâneos e um conjunto de tecnologias economizadoras de energia, incluindo o modo B e o modo Eco para, respetivamente, uma travagem regenerativa superior e um consumo energético mais eficiente.

 

Continuar a ler

Comerciais

Iveco entrega 1048 Trakker 8×8 às Forças Armadas alemãs

Published

on

A Iveco Veículos de Defesa e as Forças Armadas alemãs assinaram um acordo de compra e venda de 1.048 camiões GTF (blindados) feitos com base no Iveco Trakker 8×8 e que serão entregues até 2028.


O primeiro lote de 224 unidades será entregue ainda este ano com cinco configurações diferentes para o transporte de contentores com guindaste e guincho para carregamento.

Todos os veículos surgem equipados com motores Euro 6 e vão ser entregues com cabina protetora que oferece os melhores níveis de balística do segmento, proteção de minas, NBQ (proteção nuclear, biológica e química) e IED (proteção improvisada de explosivos. Estas cabinas oferecem ainda um nível de conforto elevado e foram desenhadas para acomodar váríos sistemas militares de comunicação e ainda de comando.

Os veículos vão ser produzidos na unidade fabril de Ulm, onde é a sede da Magirus. Todavia, a Iveco já havia feito negócio com as Forças Armadas alemãs para 2000 Trakker em versões 8×8 e 6×6 nas configurações TEP 90 (estação móvel de desintoxicação), STW 8×8 (camião cisterna), 8×8 basculantes, porta-contentores 8×8 ISO e algumas unidades em Trator 6×6.

Continuar a ler

Comerciais

GM mostra novo furgão elétrico e lança marca BrightDrop

Published

on

O CES (Consumer Eletronic Show) que este ano aconteceu de forma virtual, serviu de palco para a apresentação de um novo carro elétrico da General Motors e de uma nova marca apelidade de Bright Drop.



Todos os carros elétrico produzidos pelo gigante americano vão receber esta designação e vão começar a ser produzidos este ano. O primeiro veículo é este furgão elétrico EV600.
Desenvolvido sob uma nova plataforma desenvolvida pela GM, conta com bateria Ultium, produzidas em parceria com a LG. Ainda se conhecem poucos detalhes técnicos, mas há quem diga que a cadeia cinemática será idêntica à da pick-up elétrica do Hummer.

Este é um furgão de entregas totalmente elétrico com tração às quatro rodas e um compartimento de carga de 17 m3. A GM promete uma autonomia elétrica de 402 km com uma única carga de bateria. A capacidade desta não foi revelada, conhece-se apenas o número de módulos da bateria Ultium: 20.

Quanto a capacidade de carregamento, o EV600 está pronto a aceitar corrente CC relativamente modesta de 120 kW. Numa hora ligado à tomada, fica com um carregamento para 274 km de autonomia.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração