Miguel Oliveira de novo no chão por causa de um colega – Motorguia
Ligue-se connosco

Motos

Miguel Oliveira de novo no chão por causa de um colega

Published

on

Depois de ter ido pela primeira vez de forma direta à segunda qualificação onde acabaria por conseguir o 11º lugar na grelha de partida no circuito da Áustria, Miguel Oliveira arrancou para uma grande corrida, chegando a rolar no quinto lugar, até que mais uma vez um colega da equipa KTM se encarregou de o mandar para o chão.



Numa corrida cheia de acidentes impressionantes, Miguel Oliveira chegou a andar no quinto lugar, colado aos quatro da frente, quando atrás de si Johan Zarco e Franco Morbidelli se envolveram num aparatoso acidente com as suas motos a voarem pela pista, que o diga Valentino Rossi que viu uma delas passar-lhe à frente e a outra por cima da cabeça.

A corrida no Red Bull Ring foi interrompida e o novo arranque foi feito com os pilotos nas posições que ocupavam, tendo Miguel arrancado da quinta posição. Novamente colado no grupo da frente o piloto de Almada seguia na sexta posição quando o seu colega de equipa da KTM oficial, Pol Espargaró, que ia na quinta posição comete um erro alargando a trajetória. Miguel aproveitou e mantendo a sua trajetória, foi abalroado pelo piloto espanhol quando este tentava regressar à mesma.

Depois de há duas corridas atrás ter sido Brad Binder a tocar em Miguel impedindo-o de continuar, desta feita foi Espargaró a encarregar-se de deixar o piloto nacional brilhar num momento em que o português estava com muito melhor ritmo de corrida que o espanhol.

A prova foi ganha por Andrea Doviziozo na sua Ducati, sendo seguido por Joan Mir numa Suzuki em segundo e por Jack Miller também em Ducati.

A próxima corrida de MotoGP volta a realizar-se no Red Bull Ring – Spielberg e esperemos que o nosso Miguel volte a evidenciar o ritmo que já mostrou, mas que desta vez não haja incidentes infelizes.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Motos

Moto Guzzi oferece 3 anos de manutenção

Published

on

A Moto Guzzi começou uma campanha onde oferece três anos de manutenção programada para todos os modelos da sua gama que sejam adquiridos até 15 de novembro nos concessionários autorizados da marca italiana.



Esta campanha é válida para 3 anos após a aquisição da moto ou 30 mil quilómetros percorridos, mediante qual destas situações acontecer primeiro.

Continuar a ler

Motos

Miguel Oliveira de novo em 11º

Published

on

Miguel Oliveira partiu da 11ª posição na grelha de partida do Grande Prémio de Aragão de MotoGP e viria a terminar a corrida precisamente nessa posição, repetindo a classificação conseguida anteriormente em San Marino.



Com uma primeira volta muito conturbada devido a alguns toques entre os pilotos, Miguel Oliveira conseguiu escapar à confusão e chegou a tentar lutar pela sétima posição, mas o piloto de Almada acabaria por não conseguir impor um bom ritmo com a sua KTM e foi perdendo posições até se fixar no final no 11º posto.

A corrida foi ganha por Enea Bastianini com a sua Ducati que deixou Francesco Bagnaia em segundo, também ele em Ducati. Aleix Espargaró fechou o pódio com a sua Aprilia.

No campeonato, Fabio Quartararo mantém a liderança, com 211 pontos mas viu os seus rivais diretos aproximarem-se já que o piloto francês foi um dos que esteve envolvido nos toques da primeira volta, tendo ficado fora da corrida logo no início. Agora apenas tem 10 pontos de diferença para Bagnaia e 17 para Aleix Espargaró.

Continuar a ler
Publicidade

Newsletter

Em aceleração