Preço do petróleo cai mais de 30% – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

Preço do petróleo cai mais de 30%

Published

on

O mundo está assistir a uma queda nos preços do petróleo que já superou os 30% com o barril a cair para os 31,02 dólares fruto de um conflito de preços entre a Arábia Saudita e a Rússia.



Esta descida do preço do petróleo, com uma dimensão como não se via desde a primeira Guerra do Golfo, tem como raiz a crise provocada pelo coronavírus. Com a redução da procura por combustível, fruto da diminuição do fluxo de transportes que se sente em todo o mundo, a Arábia Saudita propôs junto da OPEP a redução da produção de barris de petróleo para manter os preços e minimizar a queda dos mesmos que a redução da procura já estava a causar.

A Rússia não concordou com esta redução afirmando que a sua economia suportava perfeitamente a descida do preço do petróleo. Em resposta a Arábia Saudita, tirando partido de ser o país com maiores reservas e o maior exportador de petróleo a nível mundial, anunciou o aumento da produção abrindo uma autêntica guerra de preços com a Rússia, enquanto enche o mercado de petróleo saudita.

As bolsas por todo o mundo têm estado a reagir em queda e no caso português esta guerra de preços irá beneficiar os consumidores finais e também a própria economia, pois sendo Portugal um pais consumidor de petróleo, esta redução no seu preço virá aliviar um pouco o peso dos custos com os combustíveis em toda a economia nacional.

Esta guerra pode não ficar por aqui pois já há analistas que estimam que o preço do barril de petróleo poderá mesmo descer até aos 20 dólares por barril.

1 Comentário

1 Comentário

  1. Apostas

    11/03/2020 at 02:24

    Juntamente com COVID 19, temos aqui uma situação que vai pôr algumas economias mundiais em sentido.
    Se Arábia Saudita teimar, algumas vão ter muitas dificuldades.
    Mas outras vão usar como oportunidade.

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias

PSP mostra alguns dos seus modelos históricos

Published

on

No sempre dinâmico facebook da Polícia de Segurança Pública esta força de segurança partilhou um álbum onde constam alguns dos veículos históricos do seu acervo, entre outros que ainda hoje estão ativos a servir nas várias missões desta força.



Num álbum alojado no flickr e que a PSP apelidou de “Garagem PSP” podemos encontrar alguns modelos que recuperam a memória coletiva como dois Volkswagen Carocha ou o Range Rover “descapotável” de primeira geração e várias motos de outrora, todos eles preservados em excelente estado.

Neste álbum também estão modelos bem mais atuais como o Audi R8, ou o Subaru Impreza e alguns destinados a missões específicas como os pronto-socorro, guindastes ou blindados.

Vale bem a pena uma visita à “Garagem PSP

 

Continuar a ler

Notícias

Comércio automóvel fecha, inspeções só por marcação

Published

on

Após terem mantido a atividade aberta durante o confinamento que estava em vigor até ontem, parece que os stands e concessionários de motos e automóveis vão ter mesmo de fechar neste novo confinamento mais restrito que agora foi decretado.



Será já a partir de amanhã que o comércio automóvel terá de fechar portas, seguindo as novas regras de confinamento que visam conter a propagação da pandemia do vírus Covid-19.

As inspeções periódicas também sofrem alterações sendo agora feitas apenas por marcação prévia. Estas medidas entra em vigor a partir de amanhã, dia 23 de janeiro, e mantêm-se durante os próximos 15 dias. No final deste período elas serão novamente avaliadas em função da evolução dos números da pandemia e poderão manter-se ou regressar a um funcionamento mais “normal”.

Continuar a ler

Notícias

Futuros Peugeot 208 e 2008 serão só elétricos

Published

on

A próxima geração do bem sucedido Peugeot 208 e do crossover 2008 deverão ser modelos totalmente elétricos. Com o lançamento previsto apenas para 2025 ou 2026, estes dois modelos deverão deixar de lado os motores a combustão.



Esta informação foi divulgada pela AutoExpress, baseando-se no documento interno da própria marca francesa. Esta opção pelas soluções elétricas surge, não apenas no facto da marca continuar a aumentar a sua oferta elétrica, cumprindo com as exigências de emissões impostas ao sector automóvel, como também acompanhando uma tendência de vendas no seio da própria marca do leão em que os modelos com alternativas elétricas ou híbridas têm estado a ter uma procura superior ao que era esperado.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração