VW e PSA vão deixar de fabricar citadinos – Motorguia
Ligue-se connosco

Notícias

VW e PSA vão deixar de fabricar citadinos

Published

on

As vendas de citadinos na Europa são desastrosas e pouco rentáveis. A VW e a PSA vão acabar com modelos como o Up , 108 e C1.

Os dados do mercado de 2017 são reveladores sobre as preferências dos clientes europeus: não se interessam por carros pequenos e os que compram são com motores Diesel. Apenas 8% das vendas são de citadinos.

Com margens de lucro muito pequenas, os construtores que apostaram neste tipo de carros estão a perceber que os investimentos em desenvolvimento e produção não compensam e vão desaparecer da oferta deste dois grupos europeus. Com as rígidas normas de emissões a carregarem sobre estes carros e a obrigar a tecnologia empregue a ser cada vez mais dispendiosa, o fim destes modelos será inevitável.

Segundo a Automotive News Europe, o CEO da VW, Herbert Diess, queixou-se dos limites de emissões que começam em 2020 poderiam dar uma contribuição positiva, só que os citadinos teriam de sofrer aumentos superiores a 3000 euros para compensar e, desta forma, ficariam ao preço dos utilitários.

Quanto ao Grupo PSA, teme-se que a produção de seus citadinos vai cessar na fábrica que partilham com a Toyota na República Checa. Prevê-se que a Toyota assuma a fábrica até 2021, e o Grupo PSA abandonará o segmento nessa altura, colocando um ponto final na produção de citadinos, como o Peugeot 108 e o Citroën C1.

“A capacidade de qualquer construtor de obter lucro neste segmento está sob pressão por causa de toda a tecnologia que temos a acrescentar”, confessou Maxime Picat, diretor operacional da PSA para a Europa.

 

1 Comentário

1 Comentário

  1. Carlos Fernandes

    11/02/2019 at 08:18

    ….deviam de estar abaixo dos 10 mil euros

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias

Ferrari Omologata, único no mundo

Published

on

O programa “One Off” da Ferrari destina-se a materializar os desejos de personalização dos clientes da marca e este Ferrari Omologata é uma das últimas criações deste departamento que assim fez nascer mais um modelo único no mundo.



A pedido de um cliente europeu cuja identidade não foi divulgada, os técnicos e desenhadores, liderados por Flavio Manzoni, do programa “One Off” pegaram num Ferrari 812 Superfast e da carroçaria apenas mantiveram o para-brisas e as óticas. De resto tudo foi personalizada ao gosto do cliente.

Este projeto levou dois anos a ver a luz do dia a partir do momento em que os primeiros esboços começaram a ser desenhados. Seguindo o desejo do cliente de um modelo moderno, mas com inspiração no passado e sem deixar de lado o legado da marca.

A frente ganhou umas entradas de ar junto às óticas e um para-choques novo, a silhueta saiu reforçada com a adoção de umas cavas das rodas mais alargadas e a traseira surge mais arredondada e com menos recortes no seu formato.

No interior um conjunto de detalhes fazem a diferença como a utilização de elementos em metal tanto no tablier como no volante que replicam o efeito de tinta craquelada que se via nos grandes GT da marca dos anos 50 e 60 como o 250 GTO ou 250 LM.

Regressando ao exterior, a cor vermelha Rosso Magma reaviva todas as formas e tudo é rematado com a inserção do número sete no capot e nas laterais.

Os segredos escondidos no compartimento do motor não foram revelados, mas pelo menos este Omologata conta com o mesmo V12 do 812 Superfast com os seus 6.5 litros de cilindrada e 800 cv de potência.

É certo que o cliente deste Ferrari ainda está no anonimato, mas com o sete utilizado na decoração não podemos deixar de especular e deixar uma pergunta no ar: Será que é mais um que vai para a garagem de Cristiano Ronaldo?

Continuar a ler

Notícias

Novos BMW M3 e M4 já estão aí

Published

on

A BMW apresentou oficialmente o novos BMW M3 sedan e M4 coupé e eles aí estão com comercialização prevista para Março de 2021 e exibindo a nova grelha frontal que tão discutida tem sido pelos fãs da marca bávara.



Independentemente das opções estéticas, o M3 e M4 não perderam pitada da agressividade e presença que caracterizam os modelos com a assinatura “M”. O M3, um sedan desportivo com uma lotação de cinco lugares e o M4, um coupé com uma lotação para quatro lugares, seguem as novas linhas da BMW, mas com aquele caráter desportivo de um “M”.

Equipados com um motor de seis cilindros M Twin Power Turbo com 3.0 litros de cilindrada e 480 cv de potência estes M contam com uma caixa manual de seis velocidade, mas podem ficar ainda mais apimentados se o cliente optar pela versão Competition em que a potência então ascende aos 510 cv e o condutor passa a contar com uma caixa automática de oito velocidades.

Em termos de prestações estes dois modelos aceleram dos 0 aos 100 km/h em 4,2 segundos ao passo que na versão Competition esse tempo desce para os 3,7 segundos.

A eficácia dinâmica e o prazer de condução são assegurados por um sistema de travagem M, uma suspensão M adaptativa com amortecedores geridos de forma eletrónica e uma direção assistida M Servotronic variável.

O interior de linhas desportivas foi desenhado para envolver quem vai ao volante e usufruir de todas as potencialidades que estes M têm, não faltando o botão de comando M onde podem ser personalizados vários parâmetros da condução. Para que o condutor não tire os olhos da estrada um Head-Up Display facilita a leitura da informação.

De momento ainda não estão disponíveis preços desta nova geração do M3 e M4.

Continuar a ler

Notícias

Covid-19 leva ao cancelamento do Caramulo Motorfestival

Published

on

Agendado para os próximos dias 2, 3 e 4 de Outubro, o Caramulo Motorfestival 2020 foi cancelado devido ao aumento dos casos ativos de Covid-19 que se têm verificado na região nos últimos tempos.



A pandemia do Coronavírus continua a fazer das suas e a organização deste evento, que está a cargo do Museu do Caramulo e do Automóvel Clube de Portugal, viu-se obrigada a cancelar a edição deste ano.

Contudo, para celebrar os 15 anos do Caramulo Motorfestival algumas iniciativas serão levadas a cabo tais como visitas guiadas às coleções patentes no Museu do Caramulo.

A organização também já agendou a 16ª edição do Caramulo Motorfestival que terá lugar entre os dias 3 e 5 de setembro de 2021 e que espera venha a ser a melhor de sempre.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração