Ligue-se connosco

Curiosidades

Polícia do Dubai vai usar drones para controlar o trânsito

Published

on

A polícia do Dubai não olha a custos quando de se trata de equipamento. Os condutores que se cuidem porque vão ser monitorizados do ar por um polícia montado num drone.

No ano passado a policía do Dubai anunciou que iria utilizar “hoverbikes” funcionais como uma forma de evitar o trânsito mais intenso. Os drones já chegaram e os treinos tiveram início para que os polícias “voadores” estejam prontos a operar estas máquinas em 2020. Os equipamentos são fornecidos pela empresa Hoversurf que produziu um veículo elétrico de decolagem e aterragem vertical.

De acordo com o brigadeiro Khalid Nasser Alrazooqui, o diretor-geral do departamento de inteligência artificial da polícia de Dubai, afirmou que está a decorrer o treino de duas equipas de oficiais com as hoverbikes.

As especificações do Hoversurf S3 apontam uma velocidade máxima de 100 km/h, pelo que as perseguições a alta velocidade, mas é uma ótima opção para entrar em locais de difícil acesso. No entanto, o S3 só pode suportar um máximo de 25 minutos de voo com um piloto e até 40 minutos quando está no modo drone.

O Hoversurf S3 custa 130.000 euros e não requer licença de piloto para ser conduzido.

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Curiosidades

Rolls Royce Spirit of Ecstasy, uma história de amor e tragédia

Published

on

O logótipo da da Rolls-Royce resulta na duplicação da letra “R” e representa os nomes dos fundadores, Charles Rolls e Henry Royce:

O logótipo, apesar da sua simplicidade, constitui um dos símbolos mais marcantes no que toca a qualidade e luxo automóvel.

Além do logótipo, os automóveis deste fabricante também são decorados com o famoso “Spirit of Ecstasy”. Este sinal decorativo no capot dos veículos Rolls-Royce consiste na figura de uma mulher inclinada para a frente com os braços estendidos para trás e para cima, sobre a qual está colocada um pano de enrolar que percorre os seus braços, tomando a forma de asas.

Este símbolo significa o espírito deste automóvel:

– velocidade com ausência de vibração
– silêncio
– elevada potencia

Praticamente todos os Rolls-Royce utilizam esta decoração no capot como um símbolo de elegância e poder económico, o denominado “Espírito do êxtase” em tradução livre.

O famoso “Spirit of Ecstasy” também é conhecido por outro nomes mais afáveis como Silver Lady, Flying Lady ou Emily.

Este símbolo glorioso da RR constitui, na verdade, uma história de amor, a paixão misteriosa entre o notável Lorde de Beaulieu – John Walter Edward Douglas-Scott-Montagu, um homem abastado, e a sua namorada secreta (a modelo representada neste emblema). O nome dela é Eleanor Velasco Thornton.

Ela pertencia a uma classe social menos abastada, o que se tornou um obstáculo a que o amor entre os dois pudesse fruir e, por isso, o relacionamento deles permaneceu oculto por algum tempo.
John Walter acabou por sucumbir às pressões familiares e casou-se com Lady Cecil Victoria Constance, mas o seu amor secreto continuou, apesar de tudo.
Eleanor viria a falecer em 1915 num trágico naufrágio enquanto acompanhava o seu senhor a Índia, a 30 de dezembro de 1915, quando o SS Pérsia, na qual viajava com Montagu pelo Mediterrâneo a caminho da Índia, foi torpedeado sem aviso prévio pelo submarino alemão U-38, comandado por Max Valentiner. Montagu sobreviveu ao naufrágio.

John Walter acabaria por contratar o escultor Charles Robinson Sykes para esculpir o símbolo para colocar no seu RR, utilizando Eleanor como modelo (chamado “The Whisper”) “Spirit of Ecstasy”, o famoso adorno alado que embeleza quase todos os Rolls-Royce desde 1911.

Continuar a ler

Curiosidades

Sabe qual é a cor preferida nos automóveis?

Published

on

No 67º relatório anual sobre as cores preferidas no mundo automóvel realizado pela Axalta o branco foi a cor favorita dos compradores automóveis, considerando dados recolhidos a nível mundial.

Pelo nono ano consecutivo aquele que pode ser considerada a cor mais “simples” foi a preferida nas escolhas dos compradores em todo o mundo. A seguir ao branco surgem o preto, o cinzento e o prata, sendo curioso verificar que esta última tem vindo na última década a cair paulatinamente nas preferências tento este ano saído do “pódio”.

Também é interessante analisar que estas quatro cores, o branco, preto, cinzento e prata representam cerca de 80% do total das escolhas de cores no universo automóvel. Na Europa os tons cinzentos são as cores prediletas e de certa forma o nosso mercado nacional confirma isso mesmo.

Continuar a ler

Curiosidades

A história do logótipo da Ferrari contada pelo próprio Enzo Ferrari

Published

on

O logótipo da Ferrari consiste num retângulo amarelo com a bandeira de Itália e o famoso cavalo preto.

O cavalo foi pintado na fuselagem do avião de combate de Francesco Baracca – um aviador heróico da primeira guerra mundial.

Segundo Enzo : “No dia 23, conheci o conde Enrico Baracca, o pai do herói, e depois a sua mãe, a condessa Paulina, que me disse um dia: ‘Ferrari, ponha o cavalo empinado do meu filho nos seus automóveis. Isso lhe trará boa sorte’. O cavalo era, e ainda é, preto, e eu adicionei o fundo amarelo canário, que é a cor de Modena [local de nascimento de Enzo Ferrari]. ”

Em 1932, o escudo da Ferrari apareceu pela primeira vez nos Alfa Romeo da equipa Scuderia, no Grand Prémio de Spa.

Em 1947, no 125S – o primeiro automóvel produzido em Maranello, o cavalo empinado apareceu sobre fundo amarelo e sempre com a bandeira italiana no topo. No entanto, já não se encontra inserido num escudo, as letras S e F (Scuderia Ferrari) foram substituídas pela palavra Ferrari.

Assim, a marca Ferrari nasceu e, desde então, está presente em todos os automóveis de Maranello.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração