Imposto Único de Circulação (IUC) – Quanto vai pagar em 2019 – Motorguia
Ligue-se connosco

Legislação

Imposto Único de Circulação (IUC) – Quanto vai pagar em 2019

Published

on

O Imposto Único Circulação é pago no portal das finanças, mas para calcular quanto vai pagar do seu próximo carro pode sempre evitar o trabalho de consulta e preenchimento de simulador e verificar rapidamente nas tabelas que publicamos em baixo.

O Imposto Único de Circulação (IUC) é pago anualmente pelos veículos, em função da sua propriedade. Ou seja, a Autoridade Tributária exige o pagamento deste imposto ao sujeito passivo em nome de quem o carro está registado na conservatória do registo automóvel.

Há ainda taxas adicionais que se aplicam aos carros a gasóleo e, a partir de 2017, aos veículos (a gasolina ou a gasóleo) que emitam mais de 180 g/km de CO2.

TABELAS IUC para 2019

Combustível Utilizado Imposto anual –  Ano da matrícula (em euros)
Gasolina Cilindrada (cc) Gasóleo e outros Cilindrada (cc) Eletricidade Voltagem Total Posterior a 1995 De 1990 a 1995 De 1981 a 1989
Até 1 000 Até 1 500 Até 100 18,36 11,58 8,12
Mais de 1 001 até 1 300 Mais de 1 500 até 2 000 Mais de 100 36,85 20,71 11,58
Mais de 1 300 até 1 750 Mais de 2 000 até 3 000 57,56 32,17 16,14
Mais de 1 750 até 2 600 Mais de 3 000 146,03 77,02 33,29
Mais de 2 600 até 3 500 265,18 144,4 73,53
Mais de 3 500 472,48 242,7 111,52

 

Escalão de Cilindrada (em cc) Taxas (euros) Escalão de CO2 (gr/Km) Taxas (euros)
Até 1 250 29,30 Até 120 60,1
Mais de 1 250 até 1 750 58,79 Mais de 120 até 180 90,06
Mais de 1 750 até 2 500 117,47 Mais de 180 até 250 195,59
Mais de 2 500 402,02 Mais de 250 335,06
Escalão de CO2
(gramas por quilómetro) Taxas (euros)
Mais de 180 até 250 29,30
Mais de 250 58,79

 

Veículos Comerciais de peso bruto inferior a 12 t
Escalões de peso bruto (quilogramas) Taxas Anuais (euros)
Até 2 500 32,42
De 2 501 a 3 500 53,69
De 3 501 a 7 500 128,65
De 7 501 a 11 999 208,68

 

Escalão de Cilindrada Taxa anual (em euros)
(em cc) (segundo o ano da matrícula do veículo)
Posterior a 1996 Entre 1992 e 1996
De 120 até 250 5,71 0
Mais de 250 até 350 8,08 5,71
Mais de 350 até 500 19,53 11,56
Mais de 500 até 750 58,68 34,56
Mais de 750 127,44 62,5
Escalão de CO2 (gramas por quilómetro) Redução percentual a aplicar às emissões de CO2 – WLTP
Até 120 0,21
Mais de 120 até 180 0,15
Mais de 180 até 250 0,12
Mais de 250 0,05

 

Clique para comentar

Deixe a sua resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Legislação

Novo modelo de carta de condução já entrou em vigor

Published

on

Tendo como objetivo principal melhorar a segurança e estar de acordo com as novas regras europeias, o IMT (Instituto da Mobilidade e dos Transportes) apresentou no início de janeiro o novo modelo de carta de condução.



As principais novidades passam pela inclusão da categoria T (veículos agrícolas) na lista de categorias no verso da carta de condução e tendo em vista a melhoria da segurança, a foto do condutor passa a ser duplicada, ou seja, além da foto principal no canto superior esquerdo, a foto é replicada em tamanho reduzido no canto inferior direito.

Também para reforçar a segurança o novo modelo inclui um código de barras bidimensional estilo QR Code que permite a leitura da informação através de equipamentos adequados para esse efeito.

A nova carta ainda tem elementos de segurança visíveis através de infravermelhos e ultravioletas.

Os detentores da anterior carta de condução não têm de mudar para este novo modelo, a menos que tenha chegado a altura da normal revalidação da sua carta por causa da sua validade ter expirado. Nesse caso deverão fazê-lo no IMT Online, no Espaço do Cidadão ou nos parceiros do IMT.

Continuar a ler

Legislação

Usar o telemóvel enquanto conduz pode dar multa até 1250 euros

Published

on

As últimas alterações ao Código da Estrada que entraram em vigor no passado dia 8 de janeiro contemplam um aumento do valor das coimas pelo uso do telemóvel enquanto se conduz.



Este agravamento faz com que as coimas sejam agora mais do dobro do valor face ao montante praticado até aqui, sendo que o valor mínimo passa a ser de 250 euros, enquanto que anteriormente era de 120 euros e o máximo ascende aos 1250 euros ao passo que até aqui era de 600 euros.

Se infringir o código da estrada utilizando o telemóvel enquanto está ao volante, além da coima que terá de pagar, também perderá três pontos na carta de condução.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração