Jaguar cria um carro com olhos – Motorguia
Ligue-se connosco

Curiosidades

Jaguar cria um carro com olhos

Published

on

A Jaguar investigou e descobriu que muitos peões não confiam nos carros autónomos no momento de atravessar uma passadeira.

Muitas pessoas, ou a grande maioria, a primeira coisa que fazem antes de atravessar uma rua é olhar para o motorista do carro que se aproxima para ver se ele as viu, é um tipo de linguagem não-verbal que lhes permite saber se podem atravessar sem ter risco de atropelamento. Com a chegada dos carros autónomos isso desaparecerá, já que teremos que confiar cegamente nos sistemas do veículo e acreditar que ele nos detetou ao atravessar uma rua.

De acordo com uma investigação da Jaguar Land Rover (JLR), 63% dos peões temem por sua segurança ao atravessar uma rua quando um carro que não tem motorista se aproxima. Este número teria aumentado após a tragédia no Arizona, quando um carro autónomo Uber atropelou e matou uma mulher, então a confiança dos peões é muito baixa comparada a esses tipos de veículos.

Dada esta situação, a Jaguar contratou uma equipe de psicólogos cognitivos para ajudá-lo a aprender mais sobre como o comportamento dos veículos afeta a confiança dos seres humanos diante das novas tecnologias. É assim que nasceu o ‘UK Autodrive Project’, que conta com o apoio do governo do Reino Unido e é baseado em “testes de confiança”.

Foi assim que eles projetaram um carro autónomo com dois olhos criados a partir de telas de LED, que são conectados aos sensores do carro e ver onde eles detetam objetos, o que faz com que eles diminuam o ritmo ou parem completamente.

Os primeiros resultados deste experimento mostraram que a confiança do peão aumentou consideravelmente, já que os olhos do veículo seguiram o peão ao atravessar a rua, o que acalmou as pessoas ao enviar a mensagem de que o carro as estava observando.


Curiosidades

Chinesa Songsan reinventa Pão de Forma e Corvette

Published

on

O Salão de Pequim é uma das grandes mostras do que os construtores chineses andam a fazer e na edição deste ano ficou bem patente que a marca Songsan está numa espécie de “febre neo-retro”.



O construtor mostrou não uma, mas duas interpretações de dois ícones da história automóvel, nada mais nada menos que o Songsan SS Dolphin, claramente inspirado no Chevrolet Corvette C1 lançado em 1958 e ainda a Songsan Summer, uma espécie de monovolume com ares de autocaravana nitidamente decalcado da Volkswagen T1, a mítica Pão de Forma.

Estamos perante dois modelos híbridos, com um motor a combustão associado a um motor elétrico, sendo que no caso do SS Dolphin o conjunto debita 319 cv de potência o que lhe permite acelerar dos 0 aos 100 km/h em 4,9 segundos.

É bem conhecida a apetência para a indústria chinesa “reinterpretar” modelos já conhecidos no mercado, mas estas duas propostas da Songsan são as primeiras a entrar no campo do passado da indústria automóvel, o que pode revelar que no meio dos construtores chineses já há responsáveis atentos ao fenómeno retro e vintage tão em voga nos dias que correm.

Continuar a ler

Curiosidades

Lamborghini Urus, a perseguição

Published

on

O Urus é a aposta atual da Lamborghini no segmento dos SUV e neste vídeo decidiu colocar dois modelos frente a frente numa perseguição que se estende pelos mais variados tipos de ambientes e pisos, mostrando a sua capacidade para abrir novos caminhos.



Num misto entre uma dança e uma perseguição este vídeo brinda-nos com belas imagens e momentos que não pode perder:

Continuar a ler

Curiosidades

SkyDrive testa carro voador com piloto a bordo

Published

on

O sonho do carro voador é tão antigo quanto o nascimento do carro e do avião e ao longo da história várias têm sido as tentativas de desenvolver uma máquina deste género, umas mais racionais, outras mais loucas.



Desta feita a ideia vem do Japão por iniciativa da SkyDrive num projeto denominado Cartivator que agora realizou um vôo com um piloto a bordo que pairou a uma altura entre um a dois metros durante quatro minutos num recinto protegido por uma rede.

O projeto Cartivator começou em 2012 e contou com fundos de grandes nomes da indústria nipónica como a Toyota ou a Panasonic. O seu mentor, Tomohiro Fukuzawa, refere que “dos cerca de 100 projetos de carro voador no mundo, apenas uma meia-dúzia tiveram sucesso num vôo com uma pessoa a bordo e neste momento o maior desafio é mesmo a segurança de um aparelho deste género”.

De momento o Cartivator, que parece mais uma moto voadora que um carro, é totalmente elétrico e só tem uma autonomia de dez minutos. Naturalmente um veículo deste tipo apresenta enormes desafios não apenas máquina que é onde o peso das baterias é um obstáculo como pelo tipo de veículo que é que implica mexer com regras de tráfego aéreo e também com outras infraestruturas necessárias à sua comercialização e “democratização”.

Ainda não é desta que as cidades do mundo se tornam urbes voadoras como nos desenhos animados dos Jetsons, mas o vídeo do vôo do Cartivator não deixa de ser uma espécie de antevisão do que poderá um dia vir a ser uma realidade:

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração