Ligue-se connosco

Curiosidades

Jaguar cria um carro com olhos

Published

on

A Jaguar investigou e descobriu que muitos peões não confiam nos carros autónomos no momento de atravessar uma passadeira.

Muitas pessoas, ou a grande maioria, a primeira coisa que fazem antes de atravessar uma rua é olhar para o motorista do carro que se aproxima para ver se ele as viu, é um tipo de linguagem não-verbal que lhes permite saber se podem atravessar sem ter risco de atropelamento. Com a chegada dos carros autónomos isso desaparecerá, já que teremos que confiar cegamente nos sistemas do veículo e acreditar que ele nos detetou ao atravessar uma rua.

De acordo com uma investigação da Jaguar Land Rover (JLR), 63% dos peões temem por sua segurança ao atravessar uma rua quando um carro que não tem motorista se aproxima. Este número teria aumentado após a tragédia no Arizona, quando um carro autónomo Uber atropelou e matou uma mulher, então a confiança dos peões é muito baixa comparada a esses tipos de veículos.

Dada esta situação, a Jaguar contratou uma equipe de psicólogos cognitivos para ajudá-lo a aprender mais sobre como o comportamento dos veículos afeta a confiança dos seres humanos diante das novas tecnologias. É assim que nasceu o ‘UK Autodrive Project’, que conta com o apoio do governo do Reino Unido e é baseado em “testes de confiança”.

Foi assim que eles projetaram um carro autónomo com dois olhos criados a partir de telas de LED, que são conectados aos sensores do carro e ver onde eles detetam objetos, o que faz com que eles diminuam o ritmo ou parem completamente.

Os primeiros resultados deste experimento mostraram que a confiança do peão aumentou consideravelmente, já que os olhos do veículo seguiram o peão ao atravessar a rua, o que acalmou as pessoas ao enviar a mensagem de que o carro as estava observando.


Curiosidades

Tesla Model 3 filma roubo de um Porsche 911

Published

on

O Modo Sentinela com que os modelos Tesla contam para proteger o veículo de potenciais danos, intrusões ou roubos foi muito útil para o proprietário de um Porsche 911 que foi roubado e que estava estacionado ao lado de um Tesla Model 3.



Tudo aconteceu em Benicassim, uma localidade a norte de Valência, durante a noite, num parque de estacionamento, quando dois assaltantes decidem roubar um Porsche 911 azul com jantes douradas que ocupava o lugar de estacionamento ao lado de um Tesla Model 3, cujo proprietário havia ativado o Modo Sentinela.

Este modo permite ao Tesla ligar as suas câmaras quando alguém se aproxima do veículo e isso fez com que todo o assalto fosse filmado pelo Model 3 pois as movimentações dos assaltantes em torno do Porsche fizeram ativar o Modo Sentinela que prontamente começou a filmar tudo à sua volta.

O dono do Tesla facultou o filme gravado ao proprietário do Porsche que de imediato o deu à Guardia Civil e ao mesmo tempo ainda fez uma ampla divulgação pelas suas redes sociais na tentativa de reaver o seu carro.

O resultado é que menos de 24 horas depois da ocorrência o Porsche foi detetado nas imediações de Valência por uma pessoa que alertou a polícia o que permitiu recuperar o desportivo alemão, segundo consta ainda imaculado e no mesmo estado em que havia sido roubado.

Uma história com um final feliz graças à tecnologia e à sorte do proprietário do Porsche em ter estacionado ao lado do Tesla e cujo vídeo da ocorrência aqui deixamos:

Continuar a ler

Curiosidades

Quem raio é El Solitario

Published

on

“Who the fuck is El Solitario” é um pequeno documentário sobre David Borras, uma das mentes pioneiras e mais arrojadas da nova cena europeia da customização de motos que tem dado vida ao mundo das duas rodas na última década.



Natural da Galiza David Borras ou “El Solitario” como é conhecido no meio é acima de tudo um artista que usa as motos como tela para a sua criatividade.

Este filme documentário realizado por Juan Rayos mostra um pouco do universo de Borras, algumas das suas criações e o ambiente em que elas nascem, ajudando a conhecer um pouco mais de um dos mais controversos preparadores de motos.

Continuar a ler

Curiosidades

Um Ford realmente artilhado

Published

on

A paixão automóvel não tem limites e o sueco Daniel Werner não faz por menos e está empenhado a equipar um Ford Crown Victoria com um motor V12 de um tanque!



Quando na gíria falamos de carros artilhados, associamos a um modelo transformado por um apaixonado pelo tuning, umas jantes mais vistosas, uma nova linha de escape ou algumas alterações mecânicas mais profundas. Neste caso estamos mesmo perante artilharia pesada pois Daniel pegou no motor de um tanque britânico Cromwell e está a instalá-lo no seu Ford Crown Victoria.

Inicialmente capaz de debitar 600 cv de potência, o que já é assinalável num Crown Victoria, este motor Rolls Royce Meteor de 27 litros de cilindrada não ficará com a sua potência original e Daniel espera atingir os 2.500 cv de potência máxima. Para tal irão ser instalados dois turbos e uma nova unidade de comando com uma programação própria.

Este Crown Victoria foi um antigo veículo de interceção da polícia sueca que Daniel comprou com o motor partido. Unindo o seu historial passado com as autoridades e o novo motor que lhe dará vida o construtor sueco decidiu apelidar este projeto de “Meteor Interceptor”, o que faz todo o sentido.

Veremos como termina mais este exemplo de paixão automóvel com alguns toques de loucura mecânica.

Continuar a ler
Publicidade

Estamos no Facebook

Newsletter

Em aceleração